Visto como 'substituto ideal' de Veron, Giovani dá passos largos para retorno ao time principal do Palmeiras

Giovani é um dos grandes cotados a substituir Gabriel Veron no ataque do Verdão (Foto: Fabio Menotti/Palmeiras)


Após a saída de Gabriel Veron para o Porto-POR, Giovani pode ganhar ainda mais espaço no ataque principal do Palmeiras. Recuperado de lesão, o jogador oriundo da base alviverde está retomando os caminhos dos gramados.

GALERIA

> Confira quem seu time ainda quer no mercado da bola
> Confira uniformes vazados ou lançados para a Copa do Mundo

No início de maio, o atacante precisou ser submetido a uma cirurgia no tornozelo e foi forçado a ficar afastado durante dois meses. Isso impossibilitou uma maior sequência sob o comando de Abel Ferreira.

Após 100 dias sem atuar, o atleta voltou ao Sub-20 para ganhar ritmo de jogo. Giovani entrou no segundo tempo da partida contra o São Paulo, válida pelo Brasileiro da categoria, e esteve em campo durante 45 minutos.

Já na última quarta-feira, dessa vez pelo Paulistão, o jovem anotou um golaço e ajudou o Verdão a finalizar o confronto com o Monte Azul com uma goleada por 7 a 0.

Logo no primeiro minuto da segunda etapa do jogo, ele recebeu a bola, avançou pela direita e partiu para cima dos marcadores. Após fazer fila, como manda sua marca registrada, finalizou com precisão e foi feliz.

TABELA

> Clique e confira a tabela completa e simulador do Brasileirão!

A última vez que Giovani havia atuado com a camisa do Palmeiras foi no dia 9 de abril, pelo Brasileirão, junto do elenco profissional. Na oportunidade, o camisa 17 entrou no lugar de Dudu no segundo tempo da derrota do time para o Ceará, na estreia no torneio.

Hoje com 18 anos, o atleta é tratado como uma das maiores joias do clube, tendo uma multa rescisória de 60 milhões de euros (R$ 318 milhões). Com o bom retorno, a tendência é que o jovem apareça mais vezes entre os relacionados de Abel Ferreira, já que é visto por grande parte da torcida e imprensa como o ‘substituto ideal’ de Gabriel Veron.

Com características de velocidade, além da armação de jogo, Giovani pode ser uma das peças-chave do Verdão no segundo semestre da temporada, assim como foi na conquista recente da Copinha e é na base do clube. Neste ano, o garoto entrou em campo em 14 oportunidades, com quatro gols marcados e três assistências.

Já pelo time principal, a estreia aconteceu no Paulistão de 2021, logo em uma reta final de Dérbi, para aumentar a responsabilidade. Naquela temporada, foram 14 partidas e um tento anotado.

Agora, Giovani tenta dar passos largos para seguir se recuperando e, quem sabe, ganhar a confiança do português para ser um dos novos ‘homens’ da base a assumir o protagonismo alviverde.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos