Sempre bem colocado nos bastidores, coronel Nunes volta à presidência da CBF

Coronel da reserva da Polícia Militar do Pará, Antônio Carlos Nunes, 82, assume pela terceira vez a presidência da CBF (Confederação Brasileira de Futebol). Com o afastamento de Rogério Caboclo, acusado de assédio moral e sexual por uma funcionária da entidade, o militar será alçado ao cargo por ser o vice-presidente mais velho entre os oito da confederação.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos