O que a Copinha diz sobre um jogador | Segunda Bola

Em janeiro, a Copa São Paulo de Futebol Júnior atinge um patamar de importância que nenhum outro torneio brasileiro da base tem. A competição tem mais times do que qualquer outra por aqui e sempre acaba revelando algum bom jogador. Após a Copinha vencida pelo Palmeiras, o que ficou da competição foi Endrick, atleta de apenas 15 anos que já despertou a atenção de vários clubes europeus. Até que ponto isso faz bem para a formação do jogador? Alexandre Praetzel, Jorge Nicola e André Carbone debatem o assunto.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos