Membro de organizada do Fluminense é condenado a 51 anos de prisão por matar torcedor do Vasco

Membro de uma torcida organizada do Fluminense, Francisco Felipe do Nascimento Rocha, mais conhecido como "He-Man", foi condenado, nesta quarta-feira, a 51 anos de prisão por matar um torcedor do Vasco em 2015. O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro comprovou que "He-Man" espancou até a morte Felipe Souza Moreira, de 24 anos, com um pedaço de pau.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos