Hamilton critica Catar por violações de direitos humanos antes de F1 no país

Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Em Doha, às vésperas da realização do GP do Catar, às 11h deste domingo (21), o inglês Lewis Hamilton pediu que sejam investigadas as denúncias de violação de direitos humanos no país e na Arábia Saudita. Esta última nação sediará a corrida em 5 de dezembro.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos