FBI cometeu erros graves em caso de abusos contra ginastas, aponta investigação

O FBI cometeu erros graves e atrasos na investigação de acusações de abuso sexual contra o médico da equipe de ginástica dos Estados Unidos Larry Nassar, que depois foi condenado a mais de 100 anos de prisão, disse o Departamento de Justiça nesta quarta-feira, 15/07.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos