Vidal se oferece para ir ao Colo-Colo: "Venham me buscar"

Durante live feita no Instagram, Vidal se ofereceu a jogar no clube chileno, assim como fez com o Flamengo.

Durante live feita no Instagram, Vidal se ofereceu a jogar no clube chileno, assim como fez com o Flamengo.
Durante live feita no Instagram, Vidal se ofereceu a jogar no clube chileno, assim como fez com o Flamengo. Foto: (Ricardo Moreira/Getty Images)

Durante uma transmissão ao vivo em seu perfil oficial no Instagram, o volante chileno Arturo Vidal, do Flamengo, se ofereceu para deixar o clube carioca e atuar pelo Colo-Colo, do Chile, nesta temporada.

Lançado pelo clube chileno antes de se transferir para a Europa e fazer a sua carreira no Velho Continente, Vidal colocou a possibilidade do retorno na disputa pela Copa Libertadores da América: "Tudo pode acontecer, tudo pode acontecer, tudo pode acontecer. Se Colo Colo quer brigar pela Libertadores, que venham me buscar e vamos. Não é, meu amor?".

Leia também:

Atuando pelo Flamengo desde o ano passado, tendo disputado 28 partidas pelo clube do Ninho do Urubu e marcado dois gols, além de ter concedido uma assistência para gol, o experiente volante chileno atuou em duas partidas nesta temporada, tendo entrado no segundo tempo em ambas: contra a Portuguesa pelo Campeonato Carioca, quando o Flamengo goleou, e na derrota para o Palmeiras na Supercopa do Brasil no último final de semana. Relacionado para a partida contra o Boavista na noite da última quarta-feira, Vidal ficou no banco de reservas e demonstrou insatisfação por não entrar no jogo e chegou a arremessar suas chuteiras para longe.

Câmeras da transmissão da partida filmaram o chileno atirando suas chuteiras no banco de reservas aos 35 minutos do segundo tempo, quando o técnico português Vítor Pereira realizou as suas últimas substituições. Sobre as frustrações, Vítor Pereira comentou na coletiva de imprensa após o jogo: "Um ou outro jogador ficar insatisfeito é uma coisa natural porque temos que tomar decisões em função daquilo que analisamos e da ideia que temos dos jogadores que estão mais aptos neste momento a ajudar a equipe. Temos que colocar a equipe e o clube acima de todas as ambições pessoais".