Vidal é apresentado no Flamengo e diz que recepção da torcida foi 'uma das coisas mais lindas' que já viveu

Vidal foi apresentado como jogador do Flamengo e assina por 18 meses (Foto: Reprodução/FLA TV)


Arturo Vidal, enfim, foi apresentado como jogador do Flamengo. O namoro se concretizou em casamento neste mês e ele falou pela primeira vez como atleta rubro-negro nesta segunda-feira, no CT Ninho do Urubu. O chileno assina contrato por 18 meses, até dezembro de 2023. Ele estava na Inter de Milão (ITA) nas duas últimas temporadas e chegou sem custos após rescisão do contrato com o clube italiano.

- Estou muito feliz. Era o meu sonho, ainda falta um pouco para ser mais feliz entrando em campo com a camisa do Flamengo. Acho que vai ser o momento mais feliz da minha vida. Espero todo esse carinho quando estiver jogando. Começou com o Renato Augusto na época do Bayer Leverkusen contando o que é Flamengo, falando dos torcedores, como vivem o futebol. Depois no Bayern com o Rafinha, foi uma loucura, tudo que me dizia me fazia querer vestir a camisa do Flamengo - disse o jogador.

- (A torcida no Maracanã) Foi uma das coisas mais lindas que já vivi no futebol. As pessoas começaram a gritar, nunca joguei aqui, só como rival. Sentir esse carinho, pensei que ia chorar, não acreditei no que estava vivendo. Espero que esse carinho aumente quando eu jogar - completou.

Depois de quatro anos falando sobre a vontade de vestir rubro-negro, Vidal finalmente foi contratado pelo clube. Ele chegou ao Rio de Janeiro no último dia 6 e esteve presente no Maracanã nas vitórias sobre Tolima e Atlético-MG. O chileno vestirá a camisa 32 e já passou por exames físicos na última semana. Na sexta-feira, fez o primeiro treino com o restante do grupo.

- Me sinto cômodo nas três posições. Joguei mais pela direita na Itália e na Alemanha. Mas não tenho problema com a posição. Jogando não tem problema (risos). Estou bem fisicamente, sei que falta um pouco para ganhar o ritmo dos meus companheiros. Na Europa parei há quase dois meses. Vamos passo a passo. O treinador sabe melhor, preciso me preparar da melhor forma para quando jogar ir bem. É normal, tenho dois, três dias de treino. Não é fácil entrar, estava de férias, mas quero jogar o quanto antes - afirmou.

A estreia de Vidal, porém, ainda vai demorar um pouco. Apesar de ele dizer que está pronto, o jogador precisará de mais tempo para se recondicionar. O nome dele, porém, já está publicado no BID da CBF.

Veja a tabela da Série A do Brasileirão

- O futebol europeu é mais físico, mas quando estiver em campo poderei responder melhor. A intensidade aqui é forte, jogo rápido, tecnicamente acho que melhor do que na Europa. Quero sentir o que se sente no campo e depois responder melhor. Espero me adaptar rápido. Tem jogadores de qualidade que veem o jogador como eu, é mais fácil entrar no time. Isso aconteceu na minha carreira. Quando os jogadores são assim é melhor - analisou.​

Vidal é cria das categorias de base do Colo-Colo, do Chile. Por lá, chamou a atenção do Bayer Leverkusen, que o contratou para a temporada 2007/08. Posteriormente, ele também defendeu a Juventus, o Bayern de Munique, o Barcelona e a Inter de Milão.

Na carreira, Vidal conquistou três títulos da Bundesliga (Campeonato Alemão), duas Supertaças da Alemanha, uma Taça da Alemanha, cinco Legas Serie A (Campeonato Italiano), três Supertaças da Itália, duas Taças de Itália, uma La Liga (Campeonato Espanhol), uma Supertaça de Espanha e três Campeonatos Chilenos. Com a camisa da seleção do Chile, ele venceu duas Copas Américas.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos