Verstappen lidera dobradinha da Red Bull enquanto Ferrari sofre em Baku

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

BAKU (Reuters) - Max Verstappen aproveitou ao máximo uma falha no motor de Charles Leclerc, da Ferrari, para vencer o GP do Azerbaijão de Fórmula 1 neste domingo e abrir liderança no campeonato mundial.

O holandês cruzou a linha de chegada 20,8 segundos à frente de Sergio Pérez que, orientado a não lutar contra Verstappen, completou uma dobradinha pela Red Bull após o líder da corrida Leclerc entrar nos boxes com o motor soltando fumaça na 20ª volta.

George Russell ficou em terceiro pela Mercedes e seu colega de equipe Lewis Hamilton, eleito o "piloto do dia", finalizou em quarto com dores nas costas.

O abandono de Leclerc foi o segundo em três corridas e fez parte de um duplo DNF (sigla em inglês para "não terminou") para a Ferrari, já que o colega de equipe Carlos Sainz já havia parado devido a uma falha hidráulica.

Isso fez com que Leclerc terminasse em terceiro lugar na classificação geral, 34 pontos atrás de Verstappen. Pérez, vencedor em Baku no ano passado depois que Verstappen saiu da liderança, está em segundo, 21 pontos atrás de seu colega de equipe, após também pontuar pela volta mais rápida.

(Reportagem de Abhishek Takle em Baku e Alan Baldwin em Londres)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos