Vítor, técnico do Corinthians, esclarece declaração sobre o desejo de treinar o Liverpool: 'Não fui feliz'

O Corinthians teve menos finalizações que o América Mineiro(Foto: Rodrigo Coca / Ag. Corinthians)


Na tarde desta sexta-feira (27), o técnico do Corinthians, Vítor Pereira concedeu entrevista coletiva no CT Joaquim Grava um dia após o empate por 1 a 1 com o Always Ready, pela Libertadores.

> GALERIA - Os jogos do Corinthians na Arena com a volta do público

Antes de atender os jornalistas no CT, Vítor fez um esclarecimento sobre uma declaração que deu após o empate por 1 a 1 com o São Paulo, pela sétima rodada do Brasileirão.

Naquela ocasião, enquanto explicava que os jogadores, tomando como exemplo Róger Guedes, precisavam entender que as necessidades do time vêm em primeiro lugar, o técnico falou que gostaria de treinar o Liverpool e "saíria correndo" para comandar a equipe que está na final da Champions League.

O português admitiu que se perdeu no raciocínio, disse não querer ser desrespeitoso com o Timão e pediu desculpas pela fala.

- Quero abordar minha infeliz expressão ao Liverpool. Depois, em casa, ao ouvir as minhas palavras, vi que não fui feliz ao expressar. Muitas vezes na frente das câmeras queremos expressar algo. Naquela ocasião interrompi o raciocínio porque tinha outra coisa importante para dizer, ficou meio no ar, ficou esquisito e não tenho problema nenhum em pedir desculpas. Corinthians tem história fantástica, me tratou bem desde o primeiro dia, me faz sentir em família, nunca pretendi ser desrespeitoso com o clube - explicou VP.

> TABELA - Confira e simule os jogos do Timão no Brasileirão

Vítor reiterou que não quis comparar o Corinthians com o time da Inglaterra, e deixou claro apenas o desejo em participar de uma final de Champions League.

- Naquele raciocínio quis dizer que se o Liverpool me chamasse para jogar na final da Liga dos Campeões era o que eu queria, mas interrompi e não fui feliz. Temos que perceber o contexto, fui infeliz. Peço desculpas, não quis comparar o Corinthians com o Liverpool, que trocaria o Corinthians pelo Liverpool, mas que queria disputar a final da Champions - concluiu o técnico lusitano sobre o assunto.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos