A um mês de jogos na Copa do Brasil e Libertadores, Flamengo está na iminência da troca de treinador

Paulo Sousa deixou o Flamengo após seis meses de trabalho - Foto: Alex Silva / LANCEPRESS!


A sequência de jogos mais importantes do Flamengo na temporada até aqui se aproxima, e o clube vive um momento de crise que está muito próxima de culminar na troca de treinador. Isso porque a pouco menos de um mês de partidas importantes na Copa do Brasil e na Libertadores, o Rubro-Negro avalia a saída de Paulo Sousa antes mesmo do compromisso contra o Internacional, no sábado.

> ATUAÇÕES: Andreas Pereira recebe a pior nota na derrota do Fla

Vale lembrar que o presidente Rodolfo Landim já havia ficado irritado com o revés contra o Fortaleza, no último domingo, e pediu ao Flamengo para mapear o mercado em busca de um possível substituto para o cargo de treinador. Com a nova derrota, desta vez para o Red Bull Bragantino, o futuro de Paulo Sousa deve ser, de fato, fora do Rubro-Negro.

Além dessa sequência ruim, o time não consegue apresentar evolução, até mesmo nas vitórias. A isso soma-se também a relação com o grupo. As declarações de erros individuais após a derrota para o Fortaleza, por exemplo, foram mais ingredientes na pressão pela troca do comando técnico do Flamengo.

O que mantém Paulo Sousa não é nem mais a multa rescisória de R$ 7,7 milhões. Após a chegada da comissão técnica do português, o Flamengo reformulou o departamento de futebol e não tem mais profissionais "de fora" integrados ao elenco profissional. Portanto, em caso de rompimento imediato, não há quem assuma o time.

O auxiliar permanente Maurício Souza, o preparador de goleiros Wagner Miranda e os preparadores físicos Betinho e Rafael Winicki deixaram o clube no início da temporada. Fábio Matias, então técnico do Sub-20 e que ainda comandou os primeiros jogos do time alternativo no Cariocão, também saiu do Flamengo em maio para o Red Bull Bragantino.

É com esse cenário de crise e incerteza que o Flamengo se prepara para a sequência de jogos do Brasileirão, mas também para as Copas. No dia 22 ou 23 deste mês, o Rubro-Negro visita o Atlético-MG pela primeira partida das oitavas de final da Copa do Brasil. Uma semana depois, no dia 29, há o confronto diante do Tolima, pela ida das oitavas da Libertadores, na Colômbia.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos