Uefa usará impedimento semiautomático na Supercopa e na Champions

A Uefa anunciou nesta quarta-feira que o impedimento semiautomático, uma tecnologia destinada a acelerar e dar confiabilidade às decisões da arbitragem, será utilizada na Supercopa da Europa (Real Madrid-Eintracht Frankfurt) e na fase de grupos da Liga dos Campeões.

A Fifa decidiu no início de julho colocar em prática esse sistema na Copa do Mundo do Catar (21 de novembro a 18 de dezembro). A ferramenta permite estabelecer a qualquer momento a posição dos jogadores e da bola, facilitando a sinalização de lances de impedimento.

"Este sistema inovador permitirá às equipes do VAR determinar as situações de impedimento rapidamente e com mais precisão, melhorando a curso do jogo e a coerência das decisões", declarou Roberto Rosetti, chefe dos árbitros na Uefa.

"O novo sistema funcionará graças a câmeras capazes de acompanhar 29 pontos corporais diferentes por jogador", explicou a Uefa em comunicado, acrescentando que 188 testes foram realizados com a tecnologia desde 2020.

"O sistema está pronto para ser utilizado nos jogos oficiais e para ser colocado em funcionamento em cada sede da Liga dos Campeões", confirmou Roberto Rosetti.

kn/tmt/dep/dr/cb

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos