Técnico Reynoso assume seleção do Peru e promete classificação para Copa de 2026

O novo técnico da seleção do Peru, Juan Reynoso, prometeu nesta quarta-feira fortalecer a equipe 'inca' para voltar a classificá-la para uma Copa do Mundo depois de fracassar na tentativa de ir ao Catar-2022.

"Vai ser o melhor sonho (da minha vida) quando se classificar para a Copa do Mundo", disse Reynoso em entrevista coletiva ao assumir o cargo, substituindo o argentino Ricardo Gareca.

"Seria a melhor conquista pessoal levar sua seleção a uma Copa do Mundo com tudo o que isso representa para um país", disse o treinador de 52 anos.

Reynoso comandará o Peru pelos próximos quatro anos, com foco nas eliminatórias sul-americanas para o Mundial de 2026, que será organizado conjuntamente por Canadá, Estados Unidos e México.

"Hoje tenho que chegar com muita energia, vontade e animado para somar. Venho com a intenção de que a seleção continue a melhorar competitivamente", disse.

A comissão técnica de Reynoso será composta pelo mexicano Joaquín Velázquez (primeiro auxiliar), pelo peruano Jaime Serna (segundo auxiliar), pelo argentino Gustavo Leombruno (preparador físico) e pelo peruano Oscar Gambetta (treinador de goleiros).

O ex-jogador da seleção peruana confirmou que em suas próximas convocações priorizará o mais alto nível futebolístico dos jogadores e não a idade.

"O que marca se você é ou não convocado não é a idade, mas o presente. Se Paolo Guerrero ou Jefferson Farfán estiverem bem, as portas estarão abertas", garantiu.

Reynoso assume o comando da seleção para substituir 'El Tigre' Gareca, que levou o Peru à Copa do Mundo de 2018, na Rússia, após uma ausência de 36 anos, mas não conseguiu se classificar para o Catar-2022 após perder em junho passado na repescagem para a Austrália.

"Não tive a oportunidade de conversar com Ricardo Gareca, mas há uma conversa pendente", comentou.

'El Cabezón', como Reynoso é conhecido, substituiu Gareca em 2008, quando era treinador do peruano Universitario de Deportes.

Gareca liderou a seleção 'Inca' de 2015 a 2022 e também conseguiu levá-la à final da Copa América no Brasil-2019, na qual perdeu para a seleção anfitriã.

Reynoso, que vestiu a camisa do Peru em 84 ocasiões, foi capitão da seleção peruana nas eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo da França-1998.

Como técnico foi campeão peruano com o Universitario e o Melgar, e no México com o Cruz Azul em 2021.

O Peru fará um amistoso contra o México nos Estados Unidos em 24 de setembro, que seria a estreia de Reynoso como técnico da seleção.

cm/cl/aam

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos