Swiatek vira contra Sabalenka e decide o título no US Open

USTA


Número 1 do mundo, a polonesa Iga Swiatek saiu das cordas, na madurgada desta sexta-feira, virou o placar e se classificou para a decisão do US Open, último Grand Slam do ano, disputado sobre o piso duro.

Iga, bicampeã de Roland Garros em 2020 e 2022, derrotou a bielorrussa Aryna Sabalenka, sexta colocada, por 2 sets a 1 com parciais de 3/6 6/1 6/4 após 2h11min de duração.

Sabalenka saiu na frente vencendo o primeiro set, caiu o nível e foi dominada no segundo, mas abriu vantagem com 4 a 2 no terceiro. Só que Swiatek virou o placar com quatro games seguidos fechando a partida com erro da bielorrussa.

Esta será a terceira final de Slam de Swiatek que buscará seu terceiro título de Major. Este ano são seis finais seguidas e seis conquistas.

Esta será a 11ª final da tenista que só perdeu uma delas em Lugano, na Suíça. Ela ganhou as demais nove que jogou.

Sua rival no sábado será a tunisiana Ons Jabeur, quinta colocada. Jabeur joga a segunda final de Slam seguida, ela foi vice de Wimbledon.