Swiatek iguala Venus Williams com 35 vitórias seguidas mas ainda está longe do recorde de Navratilova

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

A polonesa Iga Swiatek, que conquistou neste sábado o seu segundo título de Roland Garros ao derrotar a americana Coco Gauff, naquela que foi a sua 35ª vitória consecutiva, igualou a maior sequência de triunfos do século 21 (obtida por Venus Williams), mas ainda está longe da marca histórica que pertence à lendária Martina Navratilova, com 74 em 1984.

A série de Swiatek começou em Doha em 22 de fevereiro contra a suíça Viktorija Golubic (6-2, 3-6 e 6-2) e desde então ela venceu todos os seis torneios em que participou, incluindo Roland Garros.

A última derrota de Swiatek data de 16 de fevereiro contra a letã Jelena Ostapenko nas oitavas de final do torneio de Dubai (4-6, 6-1, 7-6 [7/4]).

Com sua vitória sobre Gauff, Swiatek igualou a mais longa sequência de vitórias deste século, alcançada por Venus Williams em 2000, entre Wimbledon e o torneio de Linz (Áustria), mas ainda está muito longe do recorde de todos os tempos de Navratilova.

Swiatek ainda não aparece no Top 10 das maiores sequências de vitórias desde o início da WTA em 1973.

. As 10 maiores sequências de vitórias no circuito WTA desde 1973:

1. Martina Navratilova (EUA): 74 vitórias entre janeiro e dezembro de 1984, quando foi derrotada pela tcheca Helena Sukova nas semifinais do Aberto da Austrália (1-6, 6-3 e 7-5).

2. Steffi Graf (ALE): 66 vitórias de junho de 1989 a maio de 1990, quando foi derrotada por Monica Seles (6-4, 6-3) na final do torneio de Berlim.

3. Navratilova: 58 vitórias de junho de 1986 a janeiro de 1987, quando foi derrotada pela tcheca Hana Mandlikova (7-5, 7-6) na final do Aberto da Austrália.

4. Margaret Court (AUS): 57 vitórias entre outubro de 1972 e fevereiro de 1973, quando foi derrotada nas semifinais de Indianápolis pela americana Bilie Jean King (6-7, 7-6 e 6-3).

5. Chris Evert (EUA): 55 vitórias entre abril e setembro de 1974, quando foi derrotada pela australiana Evonne Goolagong nas semifinais do US Open (6-0, 6-7 e 6-3).

6. Navratilova: 54 vitórias seguidos de junho de 1983 a janeiro de 1984, quando foi derrotada por Mandlikova (7-6, 3-6, 6-4) na final do torneio de Oakland.

7. Graf: 46 vitórias entre maio e novembro de 1988, quando foi derrotada pela americana Pam Shriver (6-3, 7-6) nas semifinais do Masters.

8. Graf: 45 vitórias entre fevereiro e julho de 1987, quando foi derrotada por Martina Navratilova (7-5, 6-3) na final de Wimbledon

9. Evert: 41 vitórias de agosto de 1975 a janeiro de 1976, quando foi derrotada por Navratilova (6-3, 6-4) na final do torneio de Houston.

10. Navratilova: 41 vitórias entre abril e setembro de 1982, quando foi derrotada por Shriver (1-6, 7-6, 6-2) nas quartas de final do US Open.

tbo/mcd/psr/aam

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos