Steve Kerr elogia intensidade dos Warriors e se derrete por Curry: 'O cara é incrível'

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Steve Kerr elogiou atuação de Wiggins em vitória dos Warriors (Foto: EZRA SHAW / AFP)
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.


O técnico Steve Kerr não queria ver o seu time sofrer outro colapso contra o Boston Celtics no segundo jogo das finais da NBA. Neste domingo, ele conseguiu o que queria. O Golden State Warriors venceu a partida por 107 a 88 e empatou a série graças à intensidade imposta pelos donos da casa do início ao fim do confronto.

VEJA: Descubra quem é você nas finais da NBA

- Acho que ficou óbvio que nosso nível subiu em termos de intensidade física, como era necessário. O que Boston fez no outro jogo, sabíamos que tínhamos que entrar muito mais focados e agressivos e foi isso que fizemos desde o começo - elogiou o técnico dos Warriors.

Para ele, quem deu o tom para a atuação dominante dos Warriors foi Draymond Green. Só no primeiro quarto o ala-pivô se desentendeu com Jayson Tatum e Grant Williams e levou sua quarta falta técnica nos playoffs. Fortes indícios de que ele estava totalmente focado. A defesa e a liderança do camisa 23 ajudaram os Warriors a sobreviver aos melhores momentos de Boston e conseguir abrir vantagem no terceiro quarto.

Outro que recebeu elogios do comandante foi Steph Curry. E não só por ser o cestinha do jogo com 29 pontos ou por converter seus habituais arremessos no terceiro período. Steve Kerr fez questão de elogiar a atuação defensiva de sua principal estrela.

- Steph foi de tirar o fôlego no terceiro quarto, e não só convertendo arremessos, mas defendendo. Ele não recebe o devido crédito por seu alto nível físico e defensivo. O cara é incrível - destacou Kerr, que fez questão de avisar que não conta apenas com sua principal estrela para vencer os jogos que faltam.

- Temos muitas preocupações, a começar pelo fato de que Boston é um grande time com uma excelente defesa. Vamos precisar da contribuição de muita gente, mas eu acho que somos capazes de vencer mesmo quando Steph não tiver um grande desempenho. Outros vão ter que assumir essa responsabilidade e eles vêm fazendo isso a temporada inteira - avaliou.

Golden State Warriors e Boston Celtics voltam a se enfrentar na próxima quarta-feira, às 22h, no TD Garden, em Boston.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos