Sem Veiga, Bruno Tabata se apresenta como boa alternativa no meio-campo do Palmeiras

Bruno Tabata segue ganhando espaço e confiança na equipe do Palmeiras (Foto: Fabio Menotti/Palmeiras)


Buscando reencontrar o caminho das vitórias, o Palmeiras tem que lidar com o desfalque de Raphael Veiga, que sofreu uma entorse no tornozelo direito. Titular nos últimos dois jogos devido à ausência do meia, Bruno Tabata pode seguir ganhando espaço no setor e a confiança de Abel Ferreira.

GALERIA

> Confira famosos que têm carinho por clubes do Brasil

Diante do RB Bragantino, apesar de ter atuado por 66 minutos, o meia-atacante se apresentou bem em diversos momentos e conseguiu deixar o ataque mais dinâmico, como o próprio técnico português destacou na coletiva após a partida no Brasileirão.

Já contra o Athletico-PR pela Libertadores, na última terça, Tabata ficou em campo por apenas 45 minutos. Contudo, o atleta seguiu chamando a atenção por ter roubado a bola que originou o gol de Gustavo Scarpa no jogo.

A contratação do jogador se deu justamente por conta do camisa 14, que irá deixar o clube alviverde para atuar no futebol inglês ao final da temporada. Pensando em suprir a ausência de Scarpa, Abel Ferreira indicou Tabata, que custou aos cofres palmeirenses 5 milhões de euros (aproximadamente R$ 25,9 milhões).

TABELA

> Clique e confira a tabela completa e simulador do Brasileirão!

Com contrato até junho de 2026, o meia vindo do Sporting-POR nunca tinha atuado no futebol brasileiro e, agora, recebe a oportunidade de ter uma sequência entre os 11 iniciais da equipe para responder às expectativas.

Com um estilo um pouco diferente de Veiga, que é mais armador, Tabata se destaca com a facilidade de jogar mais na frente, auxiliando o ataque, principalmente pelas pontas, coisa que agrada a comissão técnica portuguesa.

Sem o camisa 23, que pode passar por uma cirurgia no tornozelo direito nos próximos dias, Bruno Tabata deverá ser titular contra o Juventude pelo Brasileiro, já neste sábado, às 21h, no Allianz Parque, sendo visto cada vez mais como uma peça importante a longo prazo.