SBT busca última cartada para tirar Copa do Brasil da Globo

CBF está em negociações pelos direitos de transmissão da competição nacional (Foto: Divulgação/CBF)


A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) está concluindo, nesta semana, as negociações dos direitos de transmissão da Copa do Brasil. Após perder a Libertadores para a Rede Globo, e com intuito de recuperar o perdido, o SBT tentou a última cartada nesta semana: uma reunião com o presidente da entidade, Ednaldo Rodrigues.

Sem a competição continental, o projeto esportivo da emissora paulista ficou muito comprometido. Por isso, nomes de peso do SBT, como o vice José Roberto Maciel, e o diretor-geral de esportes, Luciano Callegari Jr, estiveram no Rio de Janeiro. De acordo com o "Metrópoles", a rede de Silvio Santos ainda não assimilou o golpe.

+ Globo perde direitos do UFC e evento de MMA volta à TV aberta brasileira

Apesar dos esforços, o SBT dificilmente poderá cobrir a proposta da Rede Globo. Os números oferecidos pela emissora à CBF ultrapassam a marca dos 500 milhões de reais, e devem chegar aos 600 milhões que a entidade deseja.

+ 100 dias para a Copa do Mundo: o que fazer no Qatar além de ir aos jogos?

Além de Globo, atual detentora dos direitos, e SBT, a disputa pelos direitos de transmissão contém Live Mode e IMG. A exibição será realizada em parceria com a Amazon Prime, em ação de marketing, e o presidente Ednaldo Rodrigues deve bater o martelo a qualquer momento.