Santos apresenta Kleiton Lima como novo técnico das Sereias da Vila

Kleiton Lima vai reestrear pelo Santos diante da Portuguesa (Foto: Pedro Ernesto Guerra Azevedo/SantosFC)


O técnico Kleiton Lima foi apresentado oficialmente como novo técnico das Sereias da Vila em coletiva nesta sexta-feira (02). Ele retorna ao Santos doze anos após a primeira passagem, quando foi extremamente campeão e ajudou o feminino do clube a se tornar referência mundial. O treinador falou do sentimento de retornar "para casa".

- Meu maior orgulho é ver a imprensa acompanhando as Sereias da Vila, que sem dúvida alguma é um ícone para o crescimento do futebol feminino brasileiro e sul-americano pelas conquistas que já teve no passado e pela história e tradição que tem. Um dos precursores do departamento de futebol feminino profissional e diversos clubes copiaram justamente aquilo que foi implantado há alguns anos atrás quando estive presente. Uma satisfação enorme poder vestir esse manto sagrado, que me identifico e tenho prazer de estar. Estou muito motivado, feliz e contente - comemorou.

- Me emociona voltar à essa casa porque eu canto hino dentro daquela máxima que para mim é uma verdade: Sua bandeira no mastro é a história de um passado e um presente só de glórias. Nascer, viver e quero morrer aqui no Santos - acrescentou o técnico.

Durante a entrevista coletiva, Kleiton também recebeu vídeo de uma das maiores jogadoras do futebol feminino e ídolo do Santos, a Rainha Marta. Ela desejou todo sucesso ao treinador nesta nova passagem das Sereias. Kleiton Lima projetou o que esperar do restante da temporada com o elenco do Peixe e fez promessa de comprometimento com a equipe.

- A expectativa é grande, já iniciamos em um final de temporada. Começamos o mês de setembro e temos mais três meses de trabalho entre o começo e o fim da temporada. A expectativa é fortalecer, identificar os problemas sim, encontrar soluções, minimizar crises, transformar todas as dificuldades em sucesso e isso leva tempo. Não estou prometendo título de cara, mas a promessa é de um título competitivo para brigar por ele - afirmou.

- Como eu tenho esse histórico nas costas de ter sido Bicampeão junto à minha equipe do Paulista, do Brasileiro, da Copa do Brasil e da Libertadores...sem dúvida alguma o meu desejo é só sair daqui com pelo menos transformando o desejo e o trabalho títulos. Não prometo para esse ano porque o tempo é curto para a gente fazer uma promessa, mas a promessa para o torcedor santista é de comprometimento, trabalho para quem sabe ainda podemos buscar uma final esse ano. O mérito disso é das meninas, com motivação e confiança, a gente vai em busca até o final de 2023 para transformar novamente o trabalho em vitórias - ressaltou.