Sabalenka domina Pliskova e volta à semi no Aberto dos Estados Unidos

USTA


Pelo segundo ano consecutivo a bielorrussa Aryna Sabalaneka, sexta da WTA, está na semifinal do US Open. A bielorrussa superou a tcheca Karolina Pliskova, 22ª, e aguarda pela polonesa Iga Swiatek, número 1 do mundo, por luta em final inédita.

Abrindo a programação do dia em Flushing Meadows, Sabalenka precisou de 1h24 para fechar o placar contra Pliskova em 6/1 7/6 (7-4) tendo convertido os sete aces da partida contra um da tcheca, que cometeu seis duplas-faltas contra três da bielorrussa, que cometeu 28 erros não-forçados contra 23 de Pliskova, que disparou apenas 10 bolas vencedoras contra 30 de Sabalenka.

A bielorrussa entrou em quadra com o forehand afiado e contanto com uma série de jogadas preciptadas por parte da tcheca, que saiu perdendo a partida em 4/0 com quebras no 1º e 3º games e viu a bielorrussa ir administrando a vantagem até conquistar nova quebra no 7º game, trabalhando com muita solidez na devolução.

Na segunda etapa, Pliskova passou a ter mais consistência na base de seu jogo, mas pouco agrediu o serviço da adversária, que estava focada a chegar em sua terceira semi de Grand Slam. Sabalenka teve o único breakpoint da segunda parcial, no 8º game e viu um bom saque de Pliskova para salvá-lo. Assim, a disputa foi para o tiebreak e nele, com maior consistência e menos erros, a bielorrussa garantiu a vitória.

Garantida na segunda semifinal do torneio, Sabalenka aguarda pela vencedora do duelo enter a número 1 do mundo, a polonesa Iga Swiatek, e a norte-americana Jessica Pegula.