Sabalenka bate Pliskova e vai às semifinais do US Open

A tenista bielorrussa Aryna Sabalenka venceu nesta quarta-feira a tcheca Karolina Pliskova e avançou pelo segundo ano consecutivo às semifinais do US Open.

Sabalenka, número 6 do ranking da WTA, fechou o jogo em 2 sets a 0, com parciais de 6-1 e 7-6 (7/4), em uma hora e 20 minutos de partida na quadra central de Flushing Meadows (Nova York).

Depois de uma virada espetacular nas oitavas de final contra a americana Danielle Collins, a bielorrussa exibiu nas quartas seu melhor tênis para ter sua desejada revanche contra Pliskova.

A tcheca, vice-campeã do US Open em 2016, impôs uma dolorosa derrota a Sabalenka nas semifinais de Wimbledon em 2021.

No jogo desta quarta, a bielorrussa respondeu com sete aces, 30 bolas vencedoras e não cedeu a Pliskova uma única oportunidade de quebra de serviço.

"Esperava um grande nível com longas trocas de bola. Queria me manter no jogo e fazê-la trabalhar", explicou.

Sabalenka, que caiu no ano passado nas semifinais para a jovem canadense Leylah Fernández, vai disputar agora uma vaga na decisão do US Open com a vencedora do duelo entre a polonesa Iga Swiatek e a americana Jessica Pegula.

"As duas são adversárias difíceis. Terei que lutar e dar o melhor de mim, mas estou preparada para uma grande batalha", afirmou.

Contra Swiatek, número 1 do mundo, ela caiu três vezes em 2022 sem ganhar um set, enquanto nos quatro confrontos contra Pegula na carreira são três vitórias e uma derrota.

dj-gbv/ol/cb