São Paulo deixa de faturar quantia milionária ao ser eliminado pelo Flamengo na Copa do Brasil

O São Paulo nunca conquistou a Copa do Brasil (Armando Paiva / Lancepress!)


Ao ser eliminado pelo Flamengo na semifinal da Copa do Brasil após perder por 1 a 0 no jogo de volta, o São Paulo deixou de faturar o valor de R$ 25 milhões referentes à classificação para a fase final da competição. O duelo de volta aconteceu nesta quarta-feira (14), no Maracanã.

Galeria
> ATUAÇÕES: São Paulo começa abafando, mas cansaço bate e falhas individuais aparecem em eliminação na Copa do Brasil

Tabela
> Veja tabela da Copa do Brasil

O time já havia batido sua meta no mês de julho, quando avançou para as quartas de final do campeonato. No planejamento, a pretensão era estar entre os oito primeiros. Em 2021, o São Paulo apresentou um déficit de R$100 milhões. A dívida geral do clube já ultrapassou os R$700 milhões. A Copa do Brasil aliviaria um pouco os cofres do Tricolor paulista.

Mesmo que eliminado nesta quarta-feira (14), por chegar até a semifinal, já havia embolsado em premiação o valor de R$ 19,5 milhões ao vencer o América-MG em uma disputa de pênaltis.

O São Paulo é o único time que estava vivo nas semifinais disputando desde a primeira fase. Assim, lucrou mais que as outras equipes.

Na primeira etapa da competição, os clubes poderiam faturar até R$ 1,27 milhão, dependendo do grupo. Na segunda fase, até R$ 1,5 milhão. Na terceira, por sua vez, R$ 1,9 milhão.

As oitavas pagaram R$ 3 milhões. As quartas de final, R$ 3,9 milhões. Na semifinal, os classificados recebem R$ 8 milhões. O vice-campeão recebe R$ 25 milhões, enquanto quem erguer a taça leva a alta quantia de R$ 60 milhões.

Além de se despedir da chance de se consagrar campeão do torneio pela primeira vez em toda a história do clube, o Tricolor não receberá os possíveis valores atrelados a fase final. Caso erguesse a taça, poderia embolsar cerca de R$ 100 milhões somente em premiação.

Vivo na Copa Sul-Americana, onde disputará a final no dia primeiro de outubro contra o Independiente Del Valle, a equipe ainda terá chances de resolver alguns problemas orçamentários com a decisão - que pode alavancar cerca de 9 milhões de dólares (R$ 47,2 milhões). É importante ressaltar que tudo isso está estipulado na meta deste ano.

Classificado para a final da Copa do Brasil, o Flamengo deve conhecer seu próximo adversário nesta quinta-feira (15). Corinthians e Fluminense se enfrentarão em busca de cavar sua vaga, na Neo Química Arena, às 20h.

Veja os valores de premiação da Copa do Brasil:

Primeira fase: R$ 620 mil (grupo 3), R$ 1,09 milhão (grupo 2) ou R$ 1,27 milhão (grupo 1)
Segunda fase: R$ 750 mil (grupo 3), R$ 1,19 milhão (grupo 2) ou R$ 1,5 milhão (grupo 1)
Terceira fase: R$ 1,9 milhão
Oitavas de final: R$ 3 milhões
Quartas de final: R$ 3,9 milhões
Semifinais: R$ 8 milhões
Vice-campeão: R$ 25 milhões
Campeão: R$ 60 milhões