Ruud vira jogo intenso com Berrettini e é bicampeão em Gstaad

ATP


O norueguês Casper Ruud, quinto da ATP, conquistou uma bela virada contra o italiano Matteo Berrettini, 15º, e chegou ao bicampeonato do ATP 250 de Gstaad, na Suíça. Este é o terceiro título de Ruud na temporada e oitavo da carreira no saibro.

A final dos sonhos da organização entre os dois principais favoritos na disputa, Ruud precisou 2h36 para fechar o placar em 4/6 7/6 (7-4) 6/2 tendo convertido oito ace contra 10 do italiano, que venceu 75% dos pontos jogados com seu primeiro serviço contra 80% de aproveitamento de Ruud, que cometeu a única dupla-falta da partida.

Com os dois tenistas buscando bicampeonato em Gstaad, o jogo teve um ínicio de pontos muito disputados e games bastante equilibrados. Campeão do torneio em 2018, Berrettini consegui encaixar boas devoluções de forehand, trabalhou com backhand na paralela e conquistou quebra no 5º game e abriu 4/2 salvando três breakpoints e administrou.

Na segunda etapa, Ruud, campeão do torneio em 2021, foi pressionado e precisou salvar breakpoints no 3º e 9º games, mas se sustentou e levou a disputa para o tiebreak. Ali, nos detalhes, Ruud conseguiu superar o bom saque do italiano e com duas mini-quebras levou a disputa para o set decisivo.

Nele, Berrettini foi muito pressionado no primeiro game, salvou três breakpoints, mas não sustentou o saque nos 3º e 5º games e acabou dominado.

Campeão dos ATPs de Buenos Aires, na Argentina, e Genebra, na Suíça, Ruud chegou a seu terceiro título no ano.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos