Roger Federer, lenda do tênis, anuncia aposentadoria

O tenista suíço Roger Federer, uma lenda do esporte, anunciou nesta quinta-feira sua aposentadoria após a Laver Cup, competição que será disputada em Londres de 23 a 25 de setembro.

"A Laver Cup na próxima semana em Londres será meu último evento da ATP", afirmou em um comunicado publicado nas redes sociais o suíço de 41 anos, que conquistou 20 títulos de Grand Slam durante a carreira.

"Eu vou jogar mais tênis no futuro, é claro, mas não em Grand Slams ou no circuito", acrescentou o suíço.

Federer, afetado por lesões no joelho, não disputa uma partida oficial desde sua eliminação nas quartas de final do torneio de Wimbledon em 2021.

"Esta é uma decisão agridoce, porque vou sentir falta de tudo que o circuito me deu. Mas, ao mesmo tempo, há muito o que celebrar", destacou o ex-líder do ranking mundial, que tinha o recorde de títulos de Grand Slam, antes de ser superado por Rafael Nadal (22) e Novak Djokovic (21).

Roger Federer, que conquistou oito vezes o torneio de Wimbledon, afirma em sua mensagem que se considera "uma das pessoas mais afortunadas do mundo".

"Eu recebi um talento especial para jogar tênis e fiz isto em um nível que nunca imaginei, por muito mais tempo do que imaginei ser possível", destacou.

bur-ll/gk/psr/dam/fp