Rodrigo Caetano comenta possível convite do Vasco e da 777 e relembra 'carinho e gratidão' pelo clube

Rodrigo Caetano chegou ao Atlético-MG na última temporada e tem nome ligado ao Vasco (Foto: Pedro Souza / Atlético-MG)


O nome de Rodrigo Caetano surgiu como favorito para assumir o comando do futebol do Vasco quando o processo da compra da SAF pela 777 Partners for concluído. Em entrevista ao "Superesportes", o diretor executivo atualmente no Atlético-MG afirmou que ainda não recebeu contato do clube cruz-maltino. Ele tem contrato com os mineiros até o fim deste ano e ainda não começou a discutir sobre uma possível renovação para 2023.

- Eu não tive nenhum convite do Vasco e da 777 Partners. Óbvio que não abriria esse tipo de conversa sob contrato com o Galo. Se fosse qualquer coisa que fizesse parte do meu planejamento de carreira, a mudança, tanto o presidente quanto o órgão colegiado formado pelos " 4 R's" saberia. Se eu fosse conversar com outro clube ou projeto. Tenho contrato até o final do ano e pretendo cumprir. Talvez no momento certo a gente converse. É muito mais importante eu conversar com os atletas que têm contato acabando, renovamos com o Mariano, o Rever, agora resolvendo a situação do Igor (Rabello). O diretor de futebol é só uma peça nessa engrenagem - afirmou.

Veja a tabela da Série B

Os norte-americanos chegam ao Rio de Janeiro nesta quinta-feira para avançar rumo à Sociedade Anônima do Futebol (SAF) do Cruz-Maltino. Na sexta haverá um encontro com a comissão do Conselho Deliberativo. Rodrigo Caetano, apesar de dizer que não houve contato, expressou o carinho que tem pelo Vasco.

- Por outro lado, é óbvio que eu me sinto honrado pelo meu nome estar sendo veiculado ao Vasco. É um clube que a nível nacional me deu a grande oportunidade da minha carreira quando saí do Grêmio. Sei do carinho, respeito e gratidão de toda torcida vascaína. Espero que seja o mesmo da massa atleticana. Em clubes nos quais você tem tempo para trabalhar, lá foram quatro anos, aqui são dois, continuidade e conquistas, realmente um entendimento do processo de reconstrução, é natural que o nome seja lembrado com respeito. Lá não é diferente. Todos sabem do carinho e gratidão que eu tenho.

Rodrigo Caetano tem duas passagens pelo Vasco esteve próximo de retornar no início do ano passado. Quando Alexandre Pássaro foi anunciado, o executivo de futebol foi para o Galo. Antes, Caetano era nome desejado por Jorge Salgado; agora, é de Josh Wander e companhia, que ainda não estão, formalmente, no comando do futebol do Vasco. O dirigente afirmou que ainda tem tempo para conversar sobre a permanência no Atlético-MG.

- É o que eu preciso (conversar com eles), óbvio. Tudo tem o seu tempo. Temos coisas mais importantes, o número de jogos no primeiro semestre, viagens, fase de grupos da Libertadores, enfim. Conversamos todos os dias. Estamos falando porque eles estabelecem as diretrizes do clube. Será assunto as movimentações de elenco. Não é da minha cabeça, a gente troca ideia. Não temos ainda um orçamento definido que permita que as coisas tenham mais fluidez. Mas as diretrizes são estabelecidas por eles e eu tento me utilizar das melhores ferramentas para aplicar o planejamento. Conversamos de tudo, vai ter a hora disso acontecer e vamos ver como as coisas vão acontecer.

- É muito tempo de carreira em poucos clubes. O lugar que fiquei menos tempo foi o Fluminense, que meu contrato era de dois anos e eu acabei saindo ao final. Quando você vai para um clube, o maior desafio é conhecer a história, a essência, os valores. Não é apenas chegar e não entender que o clube é movido por paixão. Por isso o tempo é importante, vale para o treinador também. Eu sou sempre a favor da continuidade (de trabalho), mas hoje é difícil cravar algo. Posso afirmar uma coisa: independentemente do que vai acontecer para 2023, como gestor eu tenho um princípio que todas as decisões que participo é como se eu ficasse 10 anos aqui. Não pode ser diferente. Mesmo que amanhã ou depois venha outra pessoa, espero que ele dê continuidade ou faça um aperfeiçoamento e não comece da estaca zero.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos