Retrospecto contra 'novo' Bragantino é empecilho para São Paulo almejar recuperação no Brasileirão


Se existia um adversário para dificultar a busca do São Paulo pela recuperação no Campeonato Brasileiro, onde não vence há seis rodadas, esse é o Bragantino. Desde que o time do interior paulista foi comprado por uma empresa de bebidas austríaca, o Tricolor conseguiu apenas uma vitória nos oito duelos que realizou até agora na história.


GALERIA
+ Confira a avaliação das atuações no duelo entre Ceará e São Paulo pela Sul-Americana pela equipe do LANCE!


A única vitória são-paulina sobre o rival interiorano sob gestão empresarial aconteceu no Campeonato Paulista de 2021: 1 a 0, gol contra do zagueiro Léo Ortiz, no dia 12 de abril, no Morumbi. Dirigido por Hernán Crespo, o Tricolor terminou aquela competição como campeão.

A Red Bull passou a gerir o Bragantino em abril de 2019, após a disputa do Campeonato Paulista. Desde então foram cinco vitórias do Massa Bruta e dois empates, ostentando um aproveitamento de nada mais, nada menos que 70,8%.

As duas equipes se enfrentam às 16h (de Brasília) deste domingo (14), no Morumbi. Em queda acentuada no Brasileirão, o São Paulo ocupa uma pífia 11ª colocação, com apenas 26 pontos ganhos. O Bragantino é o oitavo, com 30.

No primeiro turno, as equipes empataram em 1 a 1. A dupla já decidiu o título do Campeonato Brasileiro em 1991, com o Tricolor levando a melhor após vencer no Morumbi por 1 a 0 e empatar em 0 a 0 no interior.

A prioridade do Tricolor são as competições de mata-mata. Por isso, o técnico Rogério Ceni deverá escalar um time misto para o duelo, visando o duelo de volta como América-MG na próxima quinta-feira (18), em Belo Horizonte (MG), nas quartas de final da Copa do Brasil. Os paulistas venceram o primeiro jogo por 1 a 0.

TABELA
> Confira classificação, jogos e simule resultados do Brasileirão-22
> Confira todos os jogos da Copa do Brasil-22
> Confira todos os jogos da Copa Sul-Americana-22
> Conheça o novo aplicativo de resultados do LANCE!