Renato Gaúcho é procurado por candidatos à presidência do Grêmio

Renato firmou novo acordo com o Tricolor neste domingo (20) (LUCAS UEBEL/GREMIO FBPA)


O fim do ano promete ser agitado no Grêmio. Além de brigar pelo acesso à elite nacional, o Tricolor vai passar por eleição presidencial.

Romildo Bolzan, no cargo desde 2015, está fora de combate e vê a disputa aflorar nos bastidores do clube gaúcho.

De acordo com o próprio treinador e apurado pela reportagem, Alberto Guerra e Odorico Roman querem a continuidade da atual comissão técnica, mas a decisão será feita após o time gaúcho garantir o acesso.

- Já fui procurado pelo Guerra e Odorico, que tenho bom relacionamento com os dois. O que falei para um, falei para o outro. Tenho objetivo de devolver o Grêmio para a Série A. Esse é o meu objetivo. Depois que isso acabar aí vai ser outro papo - afirmou durante a coletiva de imprensa ao longo da semana.

Números

Em sua quarta passagem no comando técnico do Grêmio, Renato Gaúcho dirigiu o time em três jogos, com duas vitórias e uma derrota.