Raphael Alemão revela dificuldade na pré-temporada no Azerbaijão devido ao calor de mais de 35º

Raphael Alemão defende as cores do Gabala, do Azerbaijão (Divulgação/Gabala)


O atacante Raphael Alemão nasceu em Foz do Iguaçu, interior do Paraná, onde a temperatura é baixa na maior parte do ano. Porém, no Azerbaijão, ele vem enfrentando um forte calor, acima dos 35º, durante a pré-temporada pelo Gabala. A equipe vai ter como uma das competições a fase de qualificação da Liga da Conferência Europeia.

- Iniciamos a pré-temporada com um calor muito elevado. A gente que vem de uma região mais fria do Brasil acaba sofrendo um pouco, mas não que não se acostume. O clube optou nos levar para Bolu, na Turquia, por ter um clima bem melhor nesta época do ano - comentou Raphael Alemão, que jogou no Paraná.

+ Neymar e Mbappé têm boa relação, apesar de suposto pedido pela saída do astro brasileiro do PSG

Após terminar o Campeonato do Azerbaijão em 4º lugar na última temporada, o Gabala conseguiu o direito de disputar a Liga da Conferência Europeia.

O time de Raphael Alemão vai enfrentar o MOL Fehervar, da Hungria, em dois jogos para avançar no torneio até chegar na fase de grupos. O duelo de ida está marcado para o dia 21 de julho, enquanto a volta em 28 do mesmo mês em casa.

+ Barcelona acerta contratação de atacante da seleção brasileira, diz site

- Estamos tendo um início muito bom de pré-temporada. As férias foram curtas, então consegue se recuperar mais do que perder o condicionamento quando fica em casa. Não estou com muita dificuldade na volta aos treinos. Neste início o foco é a parte física. Temos que ficar bem fisicamente o quanto antes. Em menos de um mês já temos o primeiro jogo da temporada na Hungria - concluiu.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos