Pressionado entre competições, Atlético-GO enfrenta o Nacional pela Copa Sul-Americana

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Após perder por 4 a 1 contra o Flamengo no sábado (30), pelo Campeonato Brasileiro, onde ocupa a vice-lanterna e vive o risco do rebaixamento, o Atlético-GO vira a chave e se prepara para a primeira partida das quartas da Copa Sul-Americana. Nesta terça-feira (2), o time goianiense vai até Montevidéu (Uruguai) enfrentar o Nacional, no Estádio Gran Parque Central, às 19h15 (de Brasília). A partida de volta será no dia 9, no estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO).

Se, por um lado, o time goianiense vai mal na competição nacional, somando apenas 17 pontos em 20 jogos, o clube vem mostrando outro desempenho nas competições de mata-mata, chegando às quartas da Copa do Brasil e da Copa Sul-Americana. Em coletiva após a goleada contra o Flamengo, o técnico Jorginho indicou que o time sente a pressão do calendário, e que o Atlético-GO pode ter que eventualmente priorizar a Série A em detrimento das outras competições. No entanto, a decisão ainda não foi definida.

Para o confronto, o clube goiano terá como reforços o zagueiro Klaus, o meia João Peglow e o atacante Ricardinho, recém-contratados e já inscritos na Sul-Americana. Em contrapartida, os volantes Rhaldney e Willian Maranhão e o atacante Kelvin não foram inscritos, e não podem atuar pelo time. Shaylon, ainda no departamento médico, também é desfalque, e outros jogadores podem ser poupados por conta do desgaste físico.

Dessa forma, uma possível escalação inicial do Atlético-GO tem: Ronaldo; Dudu, Wanderson, Edson Felipe (Klaus) e Jefferson (Arhtur Henrique); Gabriel Baralhas, Marlon Freitas e Diego Churín (Jorginho); Léo Pereira (João Peglow), Ricardinho e Wellington Rato.

O Nacional, por sua vez, deve ter como principal novidade a estreia do atacante uruguaio Luis Suárez, apresentado pelo clube no último domingo (31). No entanto, ele deve começar a partida no banco de reservas, dando espaço ao mesmo time que começou os últimos jogos do campeonato uruguaio. Dessa forma, uma possível escalação inicial do técnico Pablo Repetto tem: Sergio Rochet; Leandro Lozano, Léo Coelho, Nicolás Marichal e Camilo Cândido; Yonathan Rodríguez, Felipe Carballo e Diego Zabala; Alfonso Trezza, Emanuel Gigliotti e Franco Fagúndez.

Estádio: Gran Parque Central, em Montevidéu (Uruguai)

Horário: Às 19h15 (de Brasília) desta terça-feira (2)

Árbitro: Eber Aquino (PAR)

VAR: Carlos P. Benitez (PAR)

Transmissão: Conmebol TV

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos