Por que Platini foi preso em esquema de fraude na Fifa

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Michel Platini durante julgamento na Suíça (Foto: Fabrice Coffrini/AFP via Getty Images)
Michel Platini durante julgamento na Suíça (Foto: Fabrice Coffrini/AFP via Getty Images)

O ex-jogador francês Michel Platini está envolvido em mais de um caso problemático desde que deixou os gramados. Ex-presidente da UEFA, ele foi suspenso de atividades relacionadas ao futebol em 2015, por conta de um pagamento de 2 milhões de francos suíços, autorizado por Joseph Blatter, ex-presidente da Fifa, entre 1998 e 2002. A punição duraria oito anos, mas foi revertida para quatro de forma definitiva.

Naquele ano, o comitê de ética da Fifa anunciou a punição aos dois dirigentes, mas as investigações continuam. Em 2022, a justiça suíça pediu 18 meses de prisão para ambos, além de dois anos de liberdade condicional. A defesa dos mandatários alega que o pagamento tinha relação com uma consultoria de Platini à Fifa, na ordem de 1 milhão de francos suíços, mas a entidade não teria como arcar com o valor.

Eles afirmam, também, que decidiram oralmente um salário anual ao ex-jogador francês de um milhão de francos suíços para esse trabalho de conselheiro. Segundo eles, a dívida foi paga com atraso. A acusação diz, portanto, que, em 2011, mais de oito anos após atuar como conselheiro de Blatter, Platini cobrou uma dívida de 2 milhões de francos suíços, que foi paga "sem fundamento" pela Fifa "com o apoio do presidente".

A dupla também é acusada de crimes como gestão fraudulenta, abuso de confiança e falsidade em títulos.

Copa do Catar

Platini, por seu comando na Uefa, foi preso em 2019 por conta de uma investigação sobre a escolha do Catar como sede da Copa do Mundo de 2022. O caso é de corrupção e conspiração criminal e foi aberto pela Promotoria Financeira Nacional (PNF) da França, em 2016. Platini foi ouvido em 2017 e admitiu o voto no Catar em dezembro de 2010, quando o país foi escolhido para sediar o Mundial.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos