Pogba decide não passar por cirurgia para jogar a Copa do Catar

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Paul Pogba sofreu uma lesão no menisco durante treino na pré-temporada, nos Estados Unidos. Foto: James Williamson - AMA/Getty Images
Paul Pogba sofreu uma lesão no menisco durante treino na pré-temporada, nos Estados Unidos. Foto: James Williamson - AMA/Getty Images

Paul Pogba finalmente decidiu não se submeter à cirurgia, para estar à disposição de seu treinador Didier Deschamps, visando a Copa do Mundo do Catar. O meio-campista da Juventus de Turim que sofre uma lesão no menisco do joelho direito optou por não se submeter a intervenção cirúrgica, de acordo com a rádio 'RMC Sport'.

O próprio clube italiano anunciou nesta terça-feira (2) que o jogador não vai passar por uma cirurgia na lesão no menisco do joelho direito e, portanto, deve ficar afastado por cerca de cinco semanas fora dos gramados.

Leia também:

Uma decisão arriscada que permitiria que o jogador ficasse à disposição do técnico francês Didier Deschamps para a próxima Copa do Mundo no Catar 2022, que começará em 21 de novembro até 18 de dezembro, quando será disputada a final.

O jogador francês, depois de falar com o especialista Bertrand Sonnery-Cottet do Lyon, teve duas opções para tratar este tipo de lesão.

A primeira seria uma artroscopia do joelho, que consiste na inserção de um pequeno tubo com câmera no orifício através de pequenas incisões feitas no paciente próximo ao joelho, para que o cirurgião possa avaliar o estado da lesão. Por meio desses dois orifícios previamente abertos, o cirurgião poderá assim introduzir instrumentos específicos de pequeno calibre para poder solucionar a quebra ou o que o paciente sofra neste caso.

O tempo de recuperação para este tipo de operação geralmente dura de 40 a 60 dias.

Já a sutura meniscal é uma operação semelhante a uma meniscectomia, exceto que esse tipo de operação é mais focada na reparação do menisco. Neste caso, a operação também é realizada por artroscopia, mas fazendo os dois orifícios por onde são inseridos os instrumentos médicos mais próximos do menisco.

Essa operação significaria ficar fora de campo por cerca de 3-4 meses, então seria muito difícil para ele estar disponível para a Copa do Mundo. Pogba optou pela terceira opção.

A outra opção seria uma "terapia conservadora" que segundo o jornal `Tuttosport’, o afastaria por três semanas fazendo exercícios de fisioterapia, depois mais duas semanas de trabalho diferenciado no solo antes de voltar aos trabalhos em campo.

Consequentemente, Pogba perderá pelo menos cinco jogos do campeonato e a estreia da Juventus na Liga dos Campeões. Uma decisão arriscada, uma aposta talvez, mas com um objetivo muito claro no final: acompanhar a França no Catar, para tentar conquistar uma terceira estrela.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos