Passageiro que fez falsa ameaça de bomba em voo interceptado por caça é solto após pagar fiança de 10 mil euros

O jovem preso por postar uma falsa ameaça de bomba em uma rede social em um voo de Londres para Menorca, na Espanha, foi libertado da prisão nesta terça-feira após pagamento de fiança. O britânico de 18 anos teve de pagar 10 mil euros (equivalente a R$ 55,2 mil) para ser solto. O valor foi estipulado pelo Superior Tribunal de Justiça das Ilhas Baleares.

Vídeo: Passageiro faz falsa ameaça de bomba, e voo é interceptado por caça, na Espanha

Guerra da Ucrânia: Itamaraty confirma mortes de brasileiros que estavam no conflito como voluntários

O suspeito de crime contra a ordem pública foi detido no domingo durante um voo da Easyjet que partiu do aeroporto de Gatwick, em Londres, e tinha como destino a ilha espanhola de Menorca.

Após o britânico postar a falsa ameaça nas redes sociais, a torre de controle do aeroporto de Menorca foi alertada sobre a possibilidade de bomba em um avião que estava em pleno voo se aproximando para pousar.

'Guerreira peshmerga': brasileira morta na Ucrânia havia lutado contra Estado Islâmico no Curdistão iraquiano

A falsa ameaça fez um caça F-18 da Força Aérea espanhola decolar da base em Saragoça e escoltar o avião da Easyjet até o solo para garantir a segurança do espaço aéreo.

Assim que o avião que partiu da Inglaterra pousou, foi estacionado em uma área distante do terminal de passageiros e estabelecido um perímetro em torno dele para que a Guarda Civil pudesse realizar uma operação.

Proibida de tomar insulina: Membros de seita são presos por envolvimento em morte de menina diabética

Especialistas em desativação de explosivos e cães treinados para lidar com bombas foram chamados ao local. No fim da operação, foi verificado que a notificação era falsa e o autor da ameaça foi identificado em uma rede social.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos