Paranaenses e favoritos avançam no torneio internacional juvenil em Curitiba (PR)

Luiz Candido / Luz Press


As 21 quadras do Santa Mônica Clube de Campo, em Curitiba (PR), vivenciaram um dia repleto com 132 jogos pelas chaves principais da II Copa Instituto Icaro DM Tênis, torneio internacional de tênis juvenil nas categorias 10 até 18 anos.

A competição com 350 atletas conta pontos para ranking mundial até 18 anos da Federação Internacional de Tênis, a ITF, e tem a participação de atletas de seis países. Além do Brasil estarão representados a Argentina, Paraguai, Bolívia, França e a Suíça. Nas categorias até 14 e 16 anos o evento conta pontos no ranking sul-americano do Cosat , e categorias até 12 e 10 anos com pontos no ranking nacional da Confederação Brasileira de Tênis, a CBT.

Os paranaenses venceram. Paola Dalmonico, de Curitiba (PR), atleta do Instituto Icaro - DM Tênis, que vem de título no torneio de Londrina (PR) na semana passada, o primeiro de sua carreira, derrotou Luiza Edelvein por 6/2 6/1 . Ela vai reeditar duelo da final da semana passada contra a pernambucana Cecilia Costa, cabeça de chave 3 do evento.

Maria Mauad, filha do craque do futebol Alex, que jogou no Fenerbahçe, da Turquia, Cruzeiro, Palmeiras, Flamengo, Seleção Brasileira, entre outros, derrotou Bianca Bernardes por 6/2 2/6 6/1 e desafia a principal favorita, Maria Luisa Oliveira. Entre os meninos, o principal favorito, Matheus Lima venceu João Benevenuti por 6/3 6/2 e encara Gabriel Carvalho.

Na categoria 12 anos, Enzo Prediger foi campeão de simples superando Mateus Anunciação na final. Os dois catarinenses haviam sido campeões de duplas no domingo jogando juntos.

A competição vai até o próximo sábado, dia 16, e é uma realização das Academias DM Tênis e do Instituto Icaro.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos