Palmeiras perde de virada, mas elimina o Sport e avança para a final da Copa do Brasil sub-17

Verdão começou vencendo por 2 a 0, mas levou a virada por 3 a 2 (Foto: Fabio Menotti/Palmeiras)


Nesta sexta-feira, o Palmeiras perdeu para o Sport, de virada, por 3 a 2, mas se garantiu na final da Copa do Brasil sub-17. Após vencer o jogo de ida, fora de casa, por 5 a 2, o Verdão confirmou sua vaga na decisão. Com gols dos jovens Thalys e Luis Guilherme, o time saiu na frente, porém acabou levando a virada. Endrick passou em branco.


GALERIA
> Confira os públicos do Palmeiras no Allianz Parque em 2022

TABELA
> Veja classificação e simulador do Brasileirão-2022 clicando aqui

> Conheça o aplicativo de resultados do LANCE!

Jogando na Arena Barueri, o Alviverde poderia até perder por dois gols de diferença que ainda assim eliminaria o adversário pernambucano, mas mesmo com a superioridade técnica e numérica em boa parte do duelo, acabou cedendo a virada ao Rubro-Negro.

Apesar de muito tentar, o primeiro gol do Verdão veio apenas aos 27 minutos do primeiro tempo, quando Gilberto fez cruzamento perfeito da direita e colocou na cabeça de Thalys, que desviou para a rede sem chances para o goleiro. Pouco tempo depois, Endrick arrancou do meio-campo, ganhou a frente do zagueiro, mas foi puxado antes de entrar na área, provocando o vermelho direto ao oponente.

No entanto, mesmo com um a mais, o Palmeiras não conseguia ampliar a vantagem, mas criava chances e amassava o Sport. O placar ficou em 1 a 0 quando foi para o intervalo, que era pouco.

Com a volta do intervalo, o Alviverde buscou a ampliação da vantagem, mas somente aos 12 minutos os Crias conseguiram colocar a bola na rede. E foi em um bonito contra-ataque, que Luis Guilherme puxou até chegar cara a cara com o goleiro e tocar na saída dele. 2 a 0 para o Verdão e um pouco mais de tranquilidade.

Quem parecia sedento por um gol era Endrick, mas mesmo tentando muito, ele acabou parando em algumas decisões erradas, na zaga adversária ou em defesas do goleiro. Em uma das tentativas, a bola sobrou em contra-ataque para o Sport, até que a bola chegou em Charles Eduardo, que deu um bonito chute colocado para diminuir.

Com muitas mexidas e uma boa dose de desatenção, o Palmeiras se desorganizou diante de um time com dez em campo. Aos 39 minutos, Vitor Reis recuou para o goleiro Cesar e acabou chutando para o próprio gol, empatando a partida para o Sport. Mas o pior ainda estava por vir, quando o árbitro marcou pênalti para os pernambucanos e Lukinhas converteu para virar e fazer 3 a 2.

Agora, com a vaga na final garantida mesmo com derrota, o Palmeiras enfrentará o Vasco, em confronto de ida e volta, com datas e horários a serem definidos pela CBF. O clube busca sua terceira taça na competição, que já conquistou em 2017 e em 2019.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos