Palmeiras encara o América-MG para inaugurar uma nova fase no ataque

López e Merentiel assumirão uma posição muito desejada pelo Verdão (Foto: Cesar Greco/Palmeiras/Montagem L!)


O duelo contra o América-MG irá marcar uma nova fase no ataque do Palmeiras. Entre reforços e ausências, o técnico Abel Ferreira poderá escalar um sistema ofensivo diferente e que pode ser, para o desejo da torcida, ainda melhor que o habitual.

GALERIA

> Porto encaminha acerto com Gabriel Veron… O Dia do Mercado!
> Saiba quais são as 20 contratações mais caras da janela até aqui

Merentiel e José Manuel López, os tão sonhados centroavantes pedidos pela comissão técnica há muito tempo, podem estrear diante do time mineiro. Os dois são os principais responsáveis pela abertura de margem para um novo leque de opções no ataque, já que podem inclusive jogar juntos no setor.

‘La Bestia’ e ‘El Flaco’ possuem características diferentes. O primeiro é mais parecido com um camisa 10, apesar de atuar mais infiltrado, enquanto o segundo é mais de área, algo que o Verdão só tinha com base em improvisações.

Contratado como uma possível ‘válvula de escape’ na ausência de um exímio camisa 9, Navarro teve algumas chances mas não vinha correspondendo. Rony, por sua vez, apesar de preferir sua posição de origem (ponta), era praticamente a única solução para ser referência ofensiva.

TABELA

> Que tal simular todos os resultados do Brasileirão? Clique aqui!

Com os atletas em questão lesionados, pelo menos um dos reforços deve aparecer entre os titulares para assumir ‘a bronca’ no setor ofensivo. A parte disso, Dudu pode voltar para o lado direito, enquanto Veiga deve atuar no meio, sem precisar sair para jogar centralizado.

Nesta semana, uma possível negociação envolvendo Gabriel Veron entrou em pauta no Palmeiras. Conforme apurado pelo LANCE!, a venda do atleta para o Porto-POR deve sair por 10 milhões de euros (R$ 55,4 milhões) sem variáveis por objetivos atingidos, mas ainda assim a tendência é de que o Verdão ficará com 10% dos direitos para faturar no futuro.

Assim, o jovem de apenas 19 anos não irá atuar no confronto com o América-MG. Sem ele, o ataque está aberto para que Wesley, Breno Lopes e Giovani, ainda que não tenha viajado para Belo Horizonte com os demais, possam ter mais oportunidades. A tendência é que o camisa 11 assuma o lugar, mas os outros dois não ficam atrás.

Com peças do elenco apresentando bons números e exercendo funções táticas e técnicas com precisão, Abel Ferreira tem nova ‘dor de cabeça boa’, dessa vez no ataque. Além disso, poderá assistir lacunas sendo preenchidas e seu time se tornando ainda mais completo.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos