Palmeiras e Atlético-MG empatam sem gols e perdem chance de assumir a liderança do Brasileirão

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Palmeiras fez ótima marcação em Hulk, que praticamente não conseguiu jogar (Foto: ALEX SILVA/LancePress!)
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.


Palmeiras e Atlético-MG fizeram um bom jogo neste domingo, para mais de 40 mil pessoas no Allianz Parque. Embora tenha sido um duelo digno de liderança, eles empataram em 0 a 0 e perderam a chance de assumirem a ponta do Brasileirão. Agora, com 16 pontos, eles ficam na segunda e na terceira posições, respectivamente.

GALERIA
> Saiba os clubes que mais cederam jogadores à Seleção em Copas

TABELA
> Veja classificação e simulador do Brasileirão-2022 clicando aqui

> Conheça o aplicativo de resultados do LANCE!

Verdão e Galo mostram equilíbrio; Alviverde ficou mais perto do gol

Como era esperado, o início de jogo mostrou dois times bastante empenhados em manter a segurança de seus estilos, com o Atlético-MG sempre acionando Hulk, que tentou se impor logo de cara, com uma jogada individual. No entanto, ela foi neutralizada pela defesa do Palmeiras, que tentou responder em enfiada de bola para Veiga, que acabou sentindo a coxa direita e deu lugar a Rafael Navarro, aos 13'.

Sem um de seus principais jogadores, o Alviverde demorou um pouco para se restabelecer. Aos 17', após cobrança de falta, Sasha arriscou de bicicleta e quase colocou o Galo à frente no placar. Em seguida, os donos da casa reagiram em cobrança de escanteio de Scarpa, que gerou um bate e rebate, mas ninguém finalizou. No lance seguinte, Rony fez jogada individual e cruzou para Scarpa, que foi travado.

O Palmeiras tinha dificuldade para sair com a bola e ficava travado na marcação alta do Atlético-MG, que por sua vez não conseguia criar chances claras. Rubens, Nacho e Allan arriscaram de longe, mas sem sucesso e sem exigir muito de Lomba. O que pegou fogo mesmo foi o duelo Nacho e Gabriel Menino. Os ânimos ficaram exaltados algumas vezes e na última cada um foi advertido com um cartão amarelo.

Na reta final da primeira etapa, o Galo mostrou sinais de queda de produção, enquanto o Verdão tentou acelerar. Gustavo Scarpa teve chance em cobrança de falta, mas colocou para fora. O melhor lance do jogo até então, porém, ainda estava por vir. Aos 47, Dudu deu passe preciso para Navarro sair cara a cara com o goleiro, no entanto o centroavante perdeu o gol, deixando o empate em 0 a 0 no placar.

Verdão e Galo tentam se impor, mas não tiram o zero do placar

Na volta do intervalo, nenhuma equipe mexeu nos jogadores que estavam em campo, mas o Palmeiras se mostrou disposto a mudar o placar logo no início da segunda etapa. Aos quatro minutos, Scarpa conseguiu abrir para o chute e quase colocou rasteiro, no cantinho de Everson, mas a bola foi para fora. O Atlético-MG buscava os contra-ataques e levavam perigo com as investidas de Ademir pela direita.

A partir dos 15 minutos, o jogo passou a ficar mais físico e com poucas oportunidades claras de gol. Piquerez e Murilo faziam partidas impecáveis na marcação de Ademir e Hulk, que pouco espaço tinham para atacar pelo Galo. O Verdão, por sua vez, tentava aproximar Dudu e Scarpa, mas as oportunidades eram poucas.

Abel Ferreira mudou o time tentando colocar Gabriel Veron no lugar de Rony e Fabinho no lugar de Gabriel Menino. Dudu teve uma ótima oportunidade ao cortar para o meio e chutar de esquerda, mas a bola explodiu na marcação. Em seguida, Ademir teve uma grande chance, mas finalizou muito mal, direto para fora. As duas equipes ainda tentaram se impor, mas não conseguiram tirar o zero do placar.

E agora?

Com o empate, Palmeiras e Atlético-MG ficam com 16 pontos na tabela do Brasileirão e passam a ocupar a segunda e a terceira posições, respectivamente, ambos a dois pontos do Corinthians, que volta para a liderança. Na próxima rodada, o Verdão recebe o Botafogo, nesta quarta-feira, no Allianz Parque, enquanto o Galo, no mesmo dia, enfrenta o Fluminense, fora de casa, no Maracanã.

FICHA TÉCNICA
PALMEIRAS 0 x 0 ATLÉTICO-MG
Local:
Allianz Parque, em São Paulo (SP)
Data-Hora: 5/6/2022 - 16h
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (Fifa/GO)
Auxiliares: Bruno Raphael Pires (Fifa/GO) e Bruno Boschilia (Fifa/PR)
VAR: Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro (RN)
Público/Renda: 40.235 pagantes/R$ 2.701.274,45
Cartões amarelos: Abel Ferreira, Gabriel Menino (PAL) Otávio, Nacho Fernández e Mariano (AMG)
Cartões vermelhos: -
Gols: -

PALMEIRAS: Weverton; Marcos Rocha, Luan, Murilo e Piquerez; Gabriel Menino (Fabinho, aos 31'/2ºT), Zé Rafael (Pedro Bicalho, aos 42'/2ºT) e Raphael Veiga (Rafael Navarro, aos 13'/1ºT); Dudu (Breno Lopes, aos 42'/2ºT), Gustavo Scarpa e Rony (Gabriel Veron, aos 31'/2ºT). Técnico: Abel Ferreira.

ATLÉTICO-MG: Everson; Mariano, Nathan Silva, Junior Alonso e Rubens; Allan, Jair (Sávio, aos 36'/2ºT) e Nacho Fernández; Ademir, Eduardo Sasha (Otávio, aos 22'/2ºT) e Hulk. Técnico: Antonio Mohamed.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos