Oscar revela detalhes de relação com o Flamengo e fala sobre futuro: 'Posso jogar em várias posições'

Oscar marcou o único gol do Brasil na goleada sofrida para a Alemanha (Reprodução)


Apesar do desfecho negativo na atual temporada, a novela entre Flamengo e Oscar está longe de acabar. Em podcast "Fala, Brasólho", do influenciador Fred, o meia contou alguns detalhes sobre a negociação com o Rubro-Negro e falou até sobre a possibilidade, no futuro, de ser titular no time carioca. Oscar é jogador do Shanghai Port, da China, mas está de férias no Brasil e pretende passar os próximos meses no país.

+ Confira uniformes das seleções para a Copa do Mundo

Durante a entrevista, o atleta discorreu sobre diferentes assuntos, como o histórico 7 a 1 e a vida no outro lado do mundo. Entretanto, os fãs ficaram mais interessados quando Oscar revelou detalhes sobre a transferência frustrada para o Flamengo.

- Teve o interesse do Flamengo. O Braz (dirigente) é muito amigo do meu empresário, então quando souberam que eu ia ficar no Brasil esse tempo todo, perguntaram "tem como o Oscar treinar aqui e depois jogar no Flamengo?" - contou.

O jogador também comentou sobre o interesse de outras equipes brasileiras, como o Internacional, seu ex-clube, e o Corinthians, potencializado pela amizade com o treinador Vítor Pereira.

Porém, o clube chinês não liberou o atleta, com medo de Oscar se lesionar ou querer ficar no país após o período solicitado. Por conta da ótima relação com a diretoria do Shanghai, o meia compreendeu a situação.

Além da burocracia para chegar na equipe, Oscar também ressaltou que está a dois meses sem jogar e teria dificuldades para entrar em uma equipe no auge da temporada.

Porém, ao ser perguntado por Fred sobre uma possível titularidade no Flamengo, Oscar deixou os torcedores animados.

- Difícil falar se eu seria titular ou não. Os meninos estão jogando super bem lá. A minha posição é a do melhor quarteto do Brasil: Gabigol, Pedro, Arrascaeta e Éverton Ribeiro. Eu posso jogar de meia, de ponta, de volante, posso jogar em várias posições. O time já está arrumado, mas tem espaço para todo mundo. Quem é bom joga - avaliou.

A análise da equipe rubro-negra não parou por aí. Oscar, que tem longa relação de amizade com o filho de Dorival, auxiliar do treinador, comentou que o técnico resolveria esse "problema".

- Isso aí o Dorival que teria que resolver. Mas é até bom: não tinham dois times jogando e todo mundo joga? Se o time está ganhando, pode jogar quem for - ressaltou Oscar.

Oscar segue descansando no Brasil ao lado de amigos e familiares. Apesar do interesse do Mais Querido, seu contrato com o Shanghai Port vai até novembro de 2024.


+ AO VIVO E DE GRAÇA: LANCE! está transmitindo ao vivo e de graça jogos da Bundesliga. Confira todas as informações sobre o torneio e transmissão aqui.