Olympique de Marselha anuncia a saída de Sampaoli

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Sampaoli ficou um ano e meio no Olympique e levou o clube de volta à Liga dos Campeões. Foto: Fred Tanneau/AFP via Getty Images
Sampaoli ficou um ano e meio no Olympique e levou o clube de volta à Liga dos Campeões. Foto: Fred Tanneau/AFP via Getty Images

O técnico do Olympique de Marselha, Jorge Sampaoli, deixou o clube em meio a frustrações com a política de transferências do clube e a incapacidade de contratar o zagueiro do Arsenal, William Saliba.

Saliba estava emprestado ao Marselha na última temporada e foi dispensado em temporadas sucessivas pelo técnico dos Gunners, Mikel Arteta. O zagueiro foi convocado pela primeira vez para a seleção francesa após boas atuações no time comandado pelo argentino e já tem cinco convocações para a seleção principal dos "bleus".

Leia também:

Há pouco mais de dois meses, o agente do jogador Djibril Niang admitiu que havia um grande grau de incerteza em torno do futuro de seu cliente – comentários que vieram depois que Saliba admitiu que foi confrontado com uma dura realidade ao chegar ao Emirates, acreditando que estava pronto para ação do primeiro time. O francês é cotado para um futuro brilhante no alto escalão, mas foi emprestado por três temporadas consecutivas pelo Arsenal.

No entanto, Saliba deve retornar ao norte de Londres neste verão - uma decisão que aumentou as frustrações de Sampaoli com a atividade de transferências do Marselha. O argentino abandonou os gigantes franceses, apesar de tê-los levado a um impressionante segundo lugar na última temporada da Ligue 1, em sua primeira temporada na França.

Acredita-se que Sampaoli estava ciente das metas de transferência do clube desde meados de junho mas mesmo assim aguardou para tomar uma decisão sobre seu futuro. Apesar de levar o clube de volta à Liga dos Campeões, ele ficou desapontado com a posição deles e agora está pronto para sair.

Já com a pré-temporada em andamento, o clube francês informou nesta sexta-feira (1) que chegou a acordo para a rescisão de contrato com o treinador após cerca de um ano e meio de trabalho.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos