Zinho revela 'mico' e 'problemas seríssimos' por causa de Ronaldinho no Flamengo

Ex-jogador e tetracampeão do mundo com a Seleção Brasileira, Zinho contou detalhes de sua relação com Ronaldinho Gaúcho nos tempos de Flamengo, cuja passagem como diretor de futebol durou cerca de sete meses, em 2012. A turbulência no convívio teve o estopim quando o ex-camisa 10 deu um "bolo" e não compareceu para um amistoso do clube em Teresina.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Esportes no Google News

Ao programa "Jogo Sagrado", do Fox Sports, Zinho falou sobre este caso, um catalisador na saída de Ronaldinho, que já havia sido o responsável direto pela queda do técnico Vanderlei Luxemburgo e que, pouco depois de não ir ao Piauí, acionou o Fla na Justiça.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também:

- A gente tinha uma viagem para o Piauí, amistoso, Flamengo recebeu uma cota alta, eu era contra, o Flamengo estava em situação difícil. Mas o clube precisava da grana. Quem era o nome que vendia esse time? Era ele (Ronaldinho). Ele não apareceu para a viagem. Liguei. Ele disse que ia. Eu com a passagem dele na mão. A televisão toda me filmando pagando aquele mico. Não apareceu para a viagem. Nosso vice de futebol, o (Paulo César) Coutinho (então vice-presidente de futebol do clube), no hotel foi questionado pela torcida e chutou o balde. Tinha um torcedor filmando e viralizou. Depois desse episódio, Ronaldinho cobrou atrasado, não se apresentou e culminou na saída - disse, emendando:

- Foi de cobrar, multar e na frente do grupo. Para dar o exemplo. Problemas sérios. Não tenho gravado, então não vou falar. Tive problemas seríssimos de disciplina com ele. Tinha coisa mais grave (do que privilégio de não treinar). Tenho muito cuidado, pois fui testemunha na ação. Se você fala as coisas que aconteceram e não tenho documentado, eu que posso responder o processo. Na época, os problemas foram falados, cobrei dele forte na época. Acho que por isso um dos motivos para sair. O Flamengo tinha erro com ele também, tem que pagar, mas não dá o direito de desrespeitar os profissionais que ali estavam trabalhando.

À época, Zinho chegou a falar que tinha "acabado a festa e a bagunça", após a rotina de problemas disciplinares de Ronaldinho. O tetracampeão deixou o Flamengo após não aceitar redução salarial, enquanto o pentacampeão se transferiu para o Atlético-MG, logo depois do episódio relatado acima.

Siga o Yahoo Esportes no Instagram, Facebook e Twitter e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.

Leia também