Terry tem casa roubada enquanto viaja de férias

Londres, 4 mar (EFE).- O veterano zagueiro inglês John Terry foi vítima de um roubo em sua mansão no condado de Surrey, no sudoeste de Londres, enquanto se encontrava de férias com a família, informa neste sábado a imprensa britânica.

Os ladrões assaltaram a casa, avaliada em 5 milhões de libras (R$ 19,2 milhões), e levaram milhares de libras em objetos enquanto Terry, de 36 anos, e a mulher, de 35, estavam esquiando.

"Podemos confirmar que uma propriedade em Moles Hill, Oxshott, foi assaltada na noite de 25 para 26 de fevereiro", informou um porta-voz da Polícia de Surrey.

Segundo uma fonte próxima da família, os ladrões sabiam que o casal não se encontrava na residência depois de ver as várias publicações dos dois nas redes sociais. O defensor tem 3 milhões de seguidores no Instagram, e a esposa, 77 mil.

"Eles adoram compartilhar fotografias com seus seguidores, mas nunca foram muito cuidadosos com as imagens da casa. Houve vários casos de casas de famosos que foram assaltadas porque os bandidos viram fotos em suas páginas no Instagram e no Twitter", disse a fonte ao jornal "The Sun".

"John e Toni publicam fotos muito frequentemente. É mais que possível que os ladrões tenham visto algumas de suas publicações. É um incidente que dá muito medo, e sabemos que os dois estão muito afetados por isso", acrescentou. EFE


Leia também