Novo gerente do Grêmio fala em desafio e responsabilidade

André Zanotta, que assumiu cargo na última quinta, destacou a importância de se cuidar do ambiente no clube 

O Grêmio já tem novo gerente executivo de futebol. Apresentado na última quinta-feira, André Zanotta reconheceu que será uma grande responsabilidade assumir o cargo.

– É uma responsabilidade muito grande estar à frente do futebol do Grêmio. Foi um longo processo, um mês desde a nossa primeira conversa até o desfecho – comentou Zanotta.

O dirigente também falou sobre as suas funções, mas buscou destacar uma: proporcionar bom ambiente de trabalho no grupo e deixar o Grêmio mais forte em um futuro próximo.

– É bom esclarecer em que eu chego em um momento em que o elenco já está estabelecido. Mas a função do executivo não se restringe e contratar e demitir. É muito mais que isso. Além das negociações, é cuidar do ambiente do futebol profissional. Eu venho para um time campeão, conversei com atletas e comissão técnica. Quero que eles sintam como se eu fizesse parte deste grupo. É pensar estrategicamente o Grêmio do futuro, cada vez maior e mais forte no futebol – completou

Por fim, o dirigente também acenou com a utilização de jovens da base no time principal e exaltou o meia Lincoln, uma das promessas mais recentes integradas ao grupo principal.

– É parte da minha função alguns assuntos da base. Eu vejo muitos atletas formados aqui que estão no time, o Lincoln tem um potencial enorme. É um assunto que todo clube precisa. Todos precisam revelar jogadores em casa para ter receita futura e ter um ganho desportivo - opinou.

O Grêmio volta a campo no próximo sábado, às 19h, quando recebe o Juventude na Arena, em jogo válido pela 10° rodada do Campeonato Gaúcho. Se vencer o time de Renato Portaluppi pode assegurar uma vaga nas quartas de final com antecedência.











E MAIS: