Zagueiros da Holanda elogiam Messi e torcida da Argentina antes das quartas de final

Os defensores participaram da coletiva desta terça-feira (Alberto PIZZOLI / AFP)


A Holanda enfrenta a Argentina nesta sexta-feira, pelas quartas de final da Copa do Mundo. E, antes de confronto, os defensores da Laranja foram só elogios à Messi e torcida da Albiceleste. Nathan Aké e Timbers participaram da coletiva e analisaram o confronto, que será o primeiro teste de fogo para a equipe de Louis Van Gaal.

Para os jogadores da Holanda, o foco da marcação não deve ser 100% de Messi. O camisa 10 da Argentina é o cara do time, mas a equipe de Scaloni tem outros nomes importantes, especialmente no ataque. A defesa da Laranja terá trabalho e Van Gaal já prepara o melhor esquema.

- Não tenho tremores. É um belo desafio. Messi é um jogador fantástico. Claro que não jogamos contra Messi sozinhos e não temos que resolver sozinhos com nós dois - disse Timbers, antes de passar a palavra para Aké:

+ Jogadores da Holanda aproveitam folga com passeio de barco; Van Gaal acredita em título

- Messi é um dos maiores jogadores de todos os tempos. Vai ser difícil, mas também é uma tarefa divertida. Claro que jogamos contra um time e não apenas contra Messi. Eles têm vários bons jogadores. Temos que ter cuidado com vários jogadores - finalizou o zagueiro do Manchester City.

Aké e Timbers também elogiaram um dos grandes fatores para as boas partidas da Argentina: a força de sua torcida. Os argentinos tem a melhor média de público e taxa de ocupação da Copa do Mundo, além de protagonizar lindas festas nos mais diferentes estádios do Qatar.

- Os torcedores argentinos estão sempre presentes nos estádios. Haverá uma grande atmosfera. Obviamente, isso é um grande apoio para eles, mas estamos acostumados. É especialmente bom ver como eles estão atrás de sua equipe. Eles adoram futebol - disse Aké.

+ Van Gaal vê Holanda com 'mesmo futebol' do Brasil na Copa do Mundo

Holanda e Argentina entram em campo às 16h (de Brasília), em um Estádio Lusail que deve estar repleto de torcedores. Quem vencer fica com uma vaga na semifinal da Copa do Mundo do Qatar.

VEJA OUTROS PONTOS ABORDADOS NA COLETIVA

Julian Álvarez
- Ele é muito técnico e objetivo. Não será fácil jogar contra ele. Eu o conheço no clube como um rapaz quieto. Ele ainda está aprendendo inglês e encontrando seu lugar. Julian é muito próximo de todos os jogadores que falam espanhol. É bom vê-lo (Aké)

Rivalidade entre Holanda e Argentina
- Foi um grande gol que todos se lembram. A narração feita na Holanda também é muito especial. Também tentamos colocar algo especial aqui e garantir que sejamos lembrados. (Aké)

Elogios
- É bom receber críticas positivas. Mas você tem que mostrar isso a cada jogo e continuar se aprimorando. É difícil. Leva muito tempo para que desapareça. Não é muito divertido de jogar. Você não deve pensar muito sobre isso no jogo. É sobre ganhar o jogo. E então você só pode se concentrar no próximo. (Aké)

- Para ser sincero, vim para cá com uma boa sensação. E ficou ainda melhor agora que estamos nas quartas de final. Quero levar esse sentimento comigo para o jogo de sexta-feira (Timbers)