Zagueiro de Gibraltar diz que esperava mais de Haaland: "Pensaram que faria 4 ou 5 gols"

Antonio Mota
·2 minuto de leitura

O zagueiro Aymen Mouelhi não conseguiu evitar a derrota por 3 a 0 da Seleção do Gibraltar para a Noruega, na última quarta-feira (24), pela primeira rodada das Eliminatórias Europeias para a Copa do Mundo de 2022, mas conseguiu ‘segurar’ o badalado Erling Haaland. Artilheiro da Champions League 2020/21 e destaque do Borussia Dortmund, o norueguês passou em branco na partida e não viveu uma tarde inspirada.

“Acho que ele foi um dos mais perigosos [que enfrentou]. Mas eu esperava mais dele ontem. Muitos pensaram que contra Gibraltar, por ser um time pequeno, ele faria quatro ou cinco gols”, declarou o zagueiro do Saint Joseph's, do Gibraltar, em entrevista à “Rádio Onda Cero” (via ge).

Aymen Mouelhi disse que esperava mais de Haaland. 'Pensaram que ele faria 5 ou 6 gols'. | JORGE GUERRERO/Getty Images
Aymen Mouelhi disse que esperava mais de Haaland. 'Pensaram que ele faria 5 ou 6 gols'. | JORGE GUERRERO/Getty Images

Em bate-papo, Mouelhi também falou da atenção redobrada e destacou o trabalho do sistema defensivo do Gibraltar para frear Haaland. Destaque do BVB, o norueguês balançou as redes 11 vezes nas últimas dez partidas, mas não marcou na estreia das Eliminatórias da Europa para a Copa do Mundo do Catar.

“Estes tipos de jogadores são de alto nível, quando você tem que enfrentar um desses tem que se preparar muito. Sabemos que ele gosta de espaço, tentamos não dar espaço, porque é muito rápido e forte. Tem que se estar concentrado não no tamanho dele, mas na rapidez, pois faz um movimento e te deixa perdido. Você tem que falar com os laterais, com o companheiro de zaga”, frisou Mouelhi.

Erling Haaland não se deu bem contra Mouelhi e defesa do Gibraltar. | JORGE GUERRERO/Getty Images
Erling Haaland não se deu bem contra Mouelhi e defesa do Gibraltar. | JORGE GUERRERO/Getty Images

Por fim, Aymen Mouelhi foi questionado se conseguiu conversar com Haaland e se pediu sua camisa: “Não falei com ele, não tive tempo. Não pedi [a camisa]. Ele foi substituído, e quando terminou o jogo, todos saíram. E eu não iria correr atrás”, encerrou.

As informações acima são do ge.

Quer saber como se prevenir do coronavírus? #FiqueEmCasa e clique ​aqui.