Zagueiro argentino Palomino, da Atalanta, é absolvido em caso de doping

O zagueiro argentino José Luis Palomino, da Atalanta, suspenso desde julho após ter sido flagrado no antidoping pelo uso de um anabolizante, foi absolvido nesta segunda-feira pelas autoridades italianas, informou o clube de Bérgamo.

"Estou muito feliz. Tinha muita confiança na justiça e agora só penso em voltar ao trabalho junto com meus companheiros", disse Palomino em um comunicado publicado em suas redes sociais.

Depois de ter interrogado o jogador na semana passada, o tribunal da Agência Antidoping Italiana (NADO) informou à Atalanta que estava retirando as acusações contra Palomino, que deve voltar aos treinos já nesta segunda-feira.

A NADO não se pronunciou, já que nunca comunica de maneira oficial antes da resolução final dos recursos.

Palomino, de 32 anos, pode assim voltar a jogar quando restam duas rodadas do Campeonato Italiano antes da pausa para a Copa do Mundo, que começa no dia 20 de novembro.

O zagueiro está na Atalanta desde 2017, depois de passar pelo futebol da França (Metz, 2014-2016) e da Bulgária (Ludogorets, 2016-2017).

Em julho, antes do início da atual temporada, ele foi flagrado em um exame antidoping pelo uso de um esteroide anabolizante. Segundo a imprensa italiana, o jogador tinha declarado antes às autoridades a ingestão acidental da substância proibida.

Na temporada passada, ele disputou 45 jogos com a Atalanta, que terminou o Campeonato Italiano na oitava posição, e marcou dois gols.

alu/bde/mcd/cb