Zé Ricardo diz que Abel é inspiração e ouve: 'Vai ser um grande técnico'

João Mércio Gomes

Na tarde de amanhã, Abel Braga comanda o Fluminense nos primeiros 90 minutos da decisão do Carioca. Disputar um título estadual não é novidade para o treinador, que, em 22 anos na função, teve oito conquistas por seis clubes diferentes. Do outro lado, Zé Ricardo chega a sua primeira final de campeonato como profissional, em menos de um ano como técnico. O comandante rubro-negro tem no adversário uma inspiração para carreira.

- O Abel é um grande espelho para mim. Até um ano, estávamos assistindo e brigando no sub-20. Onze meses depois, poder enfrentar vários treinadores de renome é uma satisfação. Já nos enfrentamos na final da Taça Guanabara. Acho que é a vigésima quarta ou vigésima quinta (decisão de Abel)... Se ele deixar um para mim, não tem problema, não (risos)

Para Abelão, o novato tem o que é preciso para construir uma carreira vitoriosa. Mas se depender dele, o título não virá nos próximos domingos.

- Desejo tudo de bom a ele e que as coisas aconteçam com naturalidade. No meu segundo ano como treinador fui campeão pernambucano. Ele vai ser um grande técnico, com a parede cheia de medalhas. O cara é bom, é correto então com certeza sua hora vai chegar. Talvez não chegue agora no Carioca - brincou o comandante tricolor.

O primeiro encontro entre os dois foi neste ano, na final da Taça Guanabara. O placar de 3 a 3 com direito a duas viradas mostra a intensidade da partida. O título para Abel veio nos pênaltis e Zé Ricardo não pôde sentir o gosto da primeira conquista. Mas, pelo menos, ouviu palavras que o motivaram.

- Eu estava um pouco emocionado, triste pela final nos pênaltis. Ele me parabenizou, disse que eu teria uma grande carreira pela frente. Eu já tinha uma visão uma ideia muito bacana de vê-lo trabalhar, a admiração cresceu ainda mais - disse Zé.

- Não o conhecia pessoalmente, conheci na final. Todo mundo fala muitíssimo bem. Quando você escuta coisas boas de um cara mais novo, é porque vai longe - respondeu Abel.






E MAIS: