Yuri Alberto marca no fim, Corinthians vence o Ceará e volta ao G4 do Brasileirão

Yuri marcou aos 45 minutos do segundo tempo (Foto: Felipe Santos / Ceará SC)


Depois de duas bolas no travessão e muita insistência, o Corinthians superou o Ceará por 1 a 0 na Neo Química Arena, pela 36ª rodada do Brasileirão. Yuri Alberto, aos 45 minutos do segundo tempo, fez o gol da vitória corintiana.

+ Fagner passou Rivellino! Veja os 10 jogadores com mais partidas pelo Corinthians

Com a vitória, o Timão chega aos 64 pontos, ultrapassa o Flamengo e entra no G4 do Brasileirão. Já o Vozão segue como o primeiro time dentro da zona de rebaixamento, com 34 pontos, três atrás do Cuiabá.

Na próxima quarta-feira (9), às 19h, a equipe de Juca Antonello vai enfrentar o Avaí, na Ressacada. No mesmo horário, os comandados de Vítor Pereira encaram o Coritiba, no Couto Pereira.

+ Veja tabela e simule a reta final do Campeonato Brasileiro

VOZÃO QUASE ABRE O PLACAR
O Corinthians começou mais agressivo no ataque e no primeiro minuto quase abriu o placar. Fausto lançou para Yuri, que achou Du Queiroz livre na área. O volante demorou para bater e foi travado. A Vozão, que apostava nas bolas paradas, quase inaugurou o placar. No rebote do escanteio, Richardson chutou de fora da área, e a bola carimbou a trave de Cássio.

JOGO ESQUENTA NA RETA FINAL DO PRIMEIRO TEMPO
Os últimos 30 minutos do primeiro tempo foram de bastante ação. Vital deu ótimo lançamento para Ramiro, que tocou de cabeça para trás. Na marca do pênalti, Yuri Alberto ajeitou para o pé esquerdo e, cara a cara com João Ricardo, chutou em cima do goleiro. Na sequência, outra boa jogada corintiana, e Renato Augusto chutou no travessão.

O Ceará apostava nos chutes de longa distância e quase marcou com Vina, mas Cássio fez grande defesa. No minuto final, Jô finalizou o contra-ataque dos visitantes, mas o camisa 12 corintiano agarrou a bola.

TIMÃO NO ATAQUE!
O Corinthians seguiu apostando na troca de passes para o segundo tempo, e Ramiro quase fez o gol corintiano. Fausto Vera achou lindo lançamento na direita para Fagner. O lateral cruzou rasteiro, na pequena área, mas o meia chutou em cima de João Ricardo. Róger Guedes entrou no decorrer da etapa final, e em cobrança de falta carimbou o travessão de João Ricardo.

CEARÁ NÃO SEGURA A PRESSÃO
Nos 10 minutos finais, o Timão se lançou ao ataque e montou uma blitz para furar o bloqueio defensivo do Ceará, que recuou suas linhas e abdicou do contra-ataque. Aos 45 minutos, Fagner cruzou rasteiro na área. A bola desviou na zaga do Ceará, João Ricardo salvou em cima da linha, mas Yuri Alberto aproveitou o rebote, entrou com bola e tudo e sacramentou a vitória corintiana.

CORINTHIANS 1 X 0 CEARÁ
CAMPEONATO BRASILEIRO - 36ª RODADA

Local:
Neo Química Arena, São Paulo (SP)
Data e hora: 5 de novembro de 2022, às 20h30
Árbitro: Bruno Arleu de Araujo (FIFA-RJ)
Assistentes: Luiz Claudio Regazone (RJ) e Eduardo Goncalves da Cruz (MS)
Árbitro de vídeo: Wagner Reway (PB)
Público/renda: 41.335 / R$2.508.811,00
Cartões amarelos: Du Queiroz, Fagner, Robert Renan, Fábio Santos e Filipe Almeida (COR); Richardson, Vina, Nino Paraíba e Zé Roberto (CEA)
Cartões vermelhos: -
Gol: Yuri Alberto (45'/2ºT) (1-0)

CORINTHIANS
Cássio; Fagner, Gil, Robert Renan e Piton (Fábio Santos, 19/1ºT); Du Queiroz (Maycon, 27/2ºT), Fausto Vera e Renato Augusto; Ramiro (Giuliano, 27/2ºT), Yuri Alberto e Vital (Róger Guedes, 17/2ºT). Técnico: Vítor Pereira

CEARÁ
João Ricardo; Nino Paraiba, David Ricardo, Luiz Otavio e Bruno Pacheco; Richard, Richardson (Geovane, 42/2ºT) e Fernando Sobral; Vina (Jhon Vásquez, 29/2ºT), Jô (Zé Roberto, 32/2ºT) e Erick (Lima, 42/2ºT). Técnico: Juca Antonello