Xavi revela sonho de treinar Barcelona, mas admite ter recusado oportunidade em duas ocasiões

·1 minuto de leitura


Xavi, comandante do Al Sadd, disse em entrevista ao "La Vanguardia" que tem o sonho em treinar o Barcelona, mas que não possui pressa para assumir o cargo. O catalão afirma já ter recusado a oportunidade em dois momentos diferentes.

- Já disse duas vezes "não" ao Barcelona. Isso é muito difícil, pois sou um culé. Me sinto mais preparado do que no primeiro dia e estou aberto. Não engano ninguém. Me preparo para isso (dirigir o Barça), mas tenho que respeitar Koeman, uma lenda do clube e com mais um ano de contrato.

> Veja a tabela da Eurocopa

Recentemente, Xavi também foi chamado parafazer parte da comissão técnica da CBF e ser auxiliar de Tite, mas recusou o convite. O espanhol está desde 2019 no comando do Al Sadd e renovou seu contrato com o clube do Qatar há poucos meses até 2023.

No entanto, o nome do ex-jogador e lenda do clube culé é o mais cotado para assumir a equipe blaugrana em 2022. Ronald Koeman estará fora dos planos, enquanto restará apenas um ano de contrato de Xavi com a atual equipe, mas o técnico pode antecipar seus planos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos