Xavi define data da aposentadoria e revela planos

Ídolo do Barcelona conta que pretende atuar até os 38 anos e revela o sonho de se tornar treinador ao término da carreira no futebol

Xavi Hernández revelou em entrevista exclusiva à Goal que seguirá jogando futebol ao menos "mais um ano", assim como deixou claro que considera a possibilidade de se tornar treinador, função que projeta em um futuro não tão distante. Talvez no Barcelona, quem sabe...

"Porém, não estou pronto, mas sim, gosto de treinar, estar no campo, corrigir os garotos, analisar as partidas. Sou um doente do futebol, é minha paixão. Agora estou aprendendo muito com Félix Sánchez, treinador da sub-23, miro na Aspire Academy, uma metodologia diferente de muitos treinadores. Vou aprendendo como organizar uma equipe, porque não é o mesmo jogar e treinar. Vou vendo que não é fácil, mas que gosto e creio que meu futuro estará no banco", comentou.

O meio-campista catalão não quer fixar uma data para converter-se em treinador, ainda que saiba o período em que pode calçar chuteiras:

"Tenho data para o fim da minha carreira. Creio que vou seguir mais um ano. Já renovei meu contrato por um ano com o Al Sadd. Porém, creio que aos 38 anos será o último. No ano seguinte, irei a Madrid para tirar a licença de treinador. Quando não puder jogar futebol, pensarei mais como treinador e irei me aplicando para trabalhar desta forma. Não sei se no Qatar ou no Barcelona, mas quero ser técnico de futebol".