WTA se une à ATP e torneios das duas organizações terão os mesmos nomes iguais às competições masculina

·1 minuto de leitura
Sofia Kenin durante partida com Danielle Collins pelas quartas de final de Roland Garros

A WTA, entidade que rege o tênis feminino, anunciou nesta quarta-feira que seus torneios terão as mesmas nomenclaturas que as competições organizadas pela ATP (órgão que comanda a categoria masculina), tendo como objetivo unir forças e modernizar o principal circuito de tênis feminino, que inclui também um novo logotipo.

Os torneios "Premier Mandatory" e "Premier 5" da WTA, as duas categorias principais após as competições do Grand Slam, agora serão categorizados como WTA 1000.

Os torneios Premier serão chamados de WTA 500, enquanto os outros níveis passam a ser WTA 250 e WTA 125.

"A WTA trabalhou com a ATP para estabelecer continuidade e alinhamento no tênis profissional", explicou Micky Lawle, presidente da entidade que comanda o tênis profissional feminino.

O objetivo é "ajudar os fãs da WTA, patrocinadores comerciais e a mídia a acompanhar seguir nosso esporte", destacou a dirigente.

ig/chc/iga/lca