Wolverhampton visita o Aston Villa na abertura da 32ª rodada do Inglês


O Campeonato Inglês já tem o seu campeão definido, mas a competição ainda não acabou. Pela 32ª rodada, o Wolverhampton visita o Aston Villa neste sábado, sonhando com uma vaga na próxima edição da Liga dos Campeões. A bola rola às 8h30 (de Brasília), no Villa Park.

+ VEJA A TABELA DO CAMPEONATO INGLÊS

PARA ESCAPAR DA DEGOLA
O Aston Villa, que briga contra o rebaixamento, está na 19ª posição, com 27 pontos. Uma vitória, porém, pode fazer o time de Birmingham dormir fora do Z-3. Para sair de vez das últimas posições, além de vencer, é claro, o clube terá que secar Watford, West Ham e Bournemouth.

Para esta partida, o técnico Dean Smith não terá Bjorn Engels, Wesley e Tom Heaton, todos machucados. Os dois últimos, inclusive, não atuam mais na temporada. Frederic Guilbert e Danny Drinkwater são dúvidas e serão reavaliados antes do jogo.

- Este é o nosso quarto jogo em 11 dias, por isso será difícil - disse Dean Smith, que reconheceu a dificuldade por conta do calendário apertado na Inglaterra.

EM BUSCA DA EUROPA
O Wolverhampton mais uma vez surpreende e faz excelente campanha na Premier League, à frente de clubes do chamado big-six (os seis maiores do país), como Tottenham e Arsenal, por exemplo. Em sexto lugar, os Lobos ainda buscam uma vaga na Liga dos Campeões, por mais que seja difícil.

O técnico Nuno Espírito Santo não tem nenhum jogador no departamento médico nem qualquer atleta para o jogo. Portanto, todos os nomes do elenco estão à disposição do português para o confronto em Birmingham.

- Tem sido difícil para todos. Eu acho que a agenda é cansativa. Para nós, está apertado desde o começo. 50 jogos em uma temporada para nós é muito mais do que outras equipes, e é muito exigente para os jogadores - disse Nuno Espírito Santo, completando discurso de Dean Smith, técnico adversário.

PROVÁVEIS TIMES
Aston Villa:
Nyland; Elmohamady, Hause, Mings e Targett; McGinn, Douglas Luiz, Hourihane, El Ghazi e Samatta; Grealish.

Wolverhampton: Rui Patrício; Boly, Coady e Saiss; Doherty, Rúben Neves, João Moutinho, Jonny Castro; Adama Traoré, Raúl Jiménez e Diogo Jota.




















Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também